O modelo vem de Rondinha

Postado por: Neuro Zambam

Compartilhe
A Revista Somando deste mês traz o município de Rondinha como destaque no ensino da matemática. O que terá de tão interessante?

Rondinha é um município pequeno, mas que se torna uma boa referência e merece um olhar destacado porque um feito dessa natureza. Se for continuado, terá fortes repercussões no futuro.

A entrevista da secretária da Educação é uma lição de pedagogia, especificamente quando trata do envolvimento coletivo. Vale a pena uma pausa para a leitura atenta e as observações seguintes.

Observo várias estatísticas e experiências que às vezes aparecem. São unânimes as declarações afirmando que onde a comunidade escolar (alunos, pais, colaboradores e outros) se envolve o progresso é visível em todos os ambientes.

Alguns podem pensar: “em lugares pequenos tudo é mais fácil, porque as pessoas colaboram mais”. Enganam-se.

Pequenos desafios = pequenas iniciativas.

Grandes desafios = grandes propostas.

E, assim por diante.

Uma estatística pode ser apenas um conjunto de números inanimados. Mas quando retratam a cooperação de muitos atores, retratam o poder na atualidade e suas respectivas potencialidades.

Certamente há muito o que fazer. Mas existem bons começos. Conheçamos esse.







Leia Também GPS é medida útil é barata para o Interior Consciência negra, consciência política! (1) Quem será o novo Presidente do Brasil em 2018? Cuide bem do seu coração!