A redução da maioridade penal é a solução?

Postado por: Clovis Oliboni Alves

Compartilhe
A sociedade está pressionando as autoridades a apresentarem soluções imediatas para os problemas de violência que envolvam principalmente os adolescentes, porém, o risco de buscarmos remédios errados e/ou sem efeitos efetivos é muito grande.

Acharmos que simplesmente reduzir a maioridade penal, irá nos trazer resultados efetivos e imediatos com relação a segurança pública, é um grande equívoco. Não vamos conseguir resgatar crianças e adolescentes apenas com ações repressivas, precisamos agir na causa e não na conseqüência.

A criança de hoje fora da escola, abandonada pelo estado e pela família, será com certeza o jovem infrator de amanhã, onde as estatísticas nos demonstram isso, é só olharmos para os dados, só não vê quem não quer ver, a solução não está em colocarmos mais adolescentes atrás das grades, mas sim, dentro das escolas.

Será preciso abolirmos as ações políticas imediatístas, populistas e sem resultados efetivos; precisamos sim, de políticas públicas de inclusão, que gerem oportunidades, que ofereçam as famílias as condições mínimas para que as crianças freqüentem uma creche, uma escola de qualidade, para que aí sim, através da fiscalização e repressão, os governos cobrem da saciedade a sua cota de responsabilidade, incluindo também os jovens infratores.



Leia Também Demitido por vender vacina da gripe A Como saber se estou correndo rápido? Acordo prevê ações de sustentabilidade na administração pública Ernestina – sempre foi Dona Ernestina