Misericordiosos como o Pai

Postado por: Ari Antônio dos Reis

Compartilhe
O Papa Francisco convidou os cristãos a viverem o “Ano Santo da Misericórdia” É Tradição da Igreja a proposição de um ano Santo. O ano da Misericórdia é a oportunidade para Igreja viver a experiência de uma “igreja em saída”, atenta, cuidadosa, samaritana, frente a tantas pessoas machucadas.

Como Igreja, comunidade dos crentes, é o tempo favorável para permear de misericórdia as relações, levando as pessoas a ternura e a bondade de Deus. Neste Jubileu, a Igreja sentir-se-á chamada ainda mais a cuidar destas feridas, aliviá-las com o óleo da consolação, enfaixá-las com a misericórdia e tratá-las com a solidariedade e a atenção devidas.

Somos convidados a fazer a experiência da misericórdia como caminho de encontro com o Pai e como caminho de encontro com nossos irmãos.   Não nos deixemos cair na indiferença que humilha, na habituação que anestesia o espírito e impede de descobrir a novidade, no cinismo que destrói. Consciente que somos povo de Deus em caminho, devemos vivenciar o nosso ser Igreja ministerial de comunhão e missão, que mostre para todos o rosto misericordioso do Pai em Cristo Senhor.

Fiquemos na Paz!

Leia Também Divisão de Acesso: avanços e retrocessos no regulamento Xiii, o Grêmio está em Dubai! Não vamos deixar o Papai Noel roubar a cena O Severino do Grêmio!