Memórias do esporte: Passo Fundo x Glória, um jogo que nasceu com característica de clássico em 1989

Postado por: Luiz Carlos Carvalho

Compartilhe
Olá, amigos internautas!

O Esporte Clube Passo Fundo está há cinco jogos invicto, com 14 pontos ganhos, e ainda sonhando em buscar a vaga para a Série D do Campeonato Brasileiro, embora sem ter escapado matematicamente no rebaixamento pelo Campeonato Gaúcho. O próximo desafio é diante do Glória, em Vacaria, no Estádio Altos da Glória.

Diante do concorrente da "Porteira do Rio Grande", o tricolor começou a série de enfrentamentos no ano de 1989.  Quem acompanhou o futebol naquela época certamente deve recordar que a disputa entre as equipes surgiu com características de novo clássico. Cada jogo era fortemente disputado, com uma sadia rivalidade e com grandes jogadores nas duas equipes.

O primeiro confronto ocorreu no Estádio Vermelhão da Serra pela segunda rodada do quadrangular final do primeiro turno do Gauchão. O Passo Fundo havia perdido para o Internacional por 3x1, embora tendo largado na frente com gol de Claudio Freitas e realizado boa atuação, porém com descuidos na etapa final. Era preciso ganhar do Glória dentro de casa e as arquibancadas foram tomadas por um grande público. De Vacaria veio, também, uma apaixonada torcida. Eram duas agremiações muito bem armadas naquela competição.

O Passo Fundo venceu a disputa por 2x1. No primeiro gol, Cabrinha fez uma linha jogada pelo lado esquerdo, driblou o lateral e cruzou no outro lado para o testaço de Claudio Freitas. A bola viajou e entrou no cantinho esquerdo do goleiro Gasperin.  No início da etapa final, aproveitando a cobrança de escanteio, o atacante Bira bateu de pé direito para as redes, fazendo 2x0.  O Glória reagiu e através de pênalti cobrado por Zé Cláudio descontou para 2x1.  A partida seguiu com enormes emoções, inclusive com finalização no travessão por parte do adversário nos acréscimos. Mas, a vitória tricolor foi confirmada.

Pelo octogonal final, o Glória ganhou de 1x0, com gol de Zé Claudio, no Estádio Altos da Glória. No confronto de volta, houve empate por 1x1 no Estádio Vermelhão da Serra. O Passo Fundo abriu a contagem com penalidade máxima bem cobrada por Cabrinha no lado direito, mas o time de Vacaria igualou.  Como havia uma disputa extra com cobranças da marca do pênalti, como previa o regulamento da época, o Glória ganhou e levou mais um ponto.  Todas as características de clássico.

Em Vacaria, o último confronto terminou com empate por 1x1 pela Divisão de Acesso de 2011.  A única vitória do Passo Fundo naquele estádio ocorreu em 2003, por 2x1.

Até a próxima! Sejam felizes, vocês merecem!

Leia Também O Enart, de novo! A importância de ter uma recepcionista/secretária preparada em seu consultório. Feito é melhor que perfeito Transporte coletivo entre boatos e incertezas