Passo Fundo na rota olímpica

Postado por: Luiz Carlos Carvalho

Compartilhe

Olá, amigos internautas!

Foi um momento marcante para Passo Fundo nesse domingo, 03, a passagem da tocha olímpica. Milhares de pessoas acompanharam a programação, desde a chegada no Largo da Literatura até a chegada no Parque da Gare. A cidade entrou no mapa do evento, em oportunidade única para a população local. Críticas à parte para a realização dos Jogos Olímpicos no país, com várias manifestações através das redes sociais, sobretudo esteve na capital do Planalto Médio o símbolo universal de integração dos povos. Foi mantida acesa a chama que evoca a lenda preservada desde a Grécia antiga.

Foi emocionante acompanhar especialmente as crianças no local. Estudantes poderão fazer trabalhos e aprofundar suas pesquisas sobre a importância do evento. Oportunidade única vivida, como bem descreveu o craque do voleibol Gustavo Endres. Segundo ele, ao concluir o trajeto de condução da tocha olímpica a emoção do domingo superou a da conquista da medalha de ouro na Grécia. Aqui, foi possível ao lado das pessoas que o viram crescer para o esporte compartilhar a alegria do fogo olímpico.
As imagens de Passo Fundo cruzarão pelo país e pelo mundo. Quem veio para cá adorou a acolhida, que é marca do povo desta terra.
Em resumo, cada um tem a sua opinião formada sobre a realização da Olimpíada, mas não se pode confundir os aspectos políticos e econômicos com um evento que acontece de quatro em quatro anos em algum lugar do planeta. Não fosse a realização, assim como a Copa no futebol, os povos teriam sido submetidos fatalmente a uma III Guerra Mundial.  Os opostos se uniram, mesmo que por momentos, através do esporte. Sim, os atletas não fazem a guerra. Eles levam a mensagem de paz nas competições em que participam.
GAÚCHO:  O alviverde conclui de forma exemplar a sua participação na fase do quadrangular da Segunda Divisão. Novamente chega em primeiro lugar, a exemplo da etapa anterior.  Em uma disputa marcante na última rodada, em que de três aspirantes nenhum possuía vaga assegurada. O Gaúcho goleou o São Borja por 4x0 e foi beneficiado pelo empate do Nova Prata, que também avançou, diante do Apafut. 
 O próximo passo é aguardar a conclusão da disputa da outra chave, ainda com duas rodadas pendentes. No momento o adversário seria o Igrejinha na fase semifinal. Mas, pode ser Guarany ou Bagé. O importante é que está assegurado o confronto decisivo para a BSBIOS Arena, que certamente estará lotada pelos apaixonados alviverdes - uma fidelidade marcante em termos de torcidas do interior do estado.

SÉRIE PRATA: O Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Zamil conquistou uma grande vitória na noite de sábado. Era preciso, impreterivelmente, ganhar da Afusca para voltar a trilhar o caminho da classificação. Resultado marcante, por 4x2, diante de um adversário de várias qualidades, que correu duas vezes atrás do empate. Há muito tempo não acompanhávamos um gol de falta com cobrança direta. Foi o que ocorreu com Esquerda, em bela finalização. O quarto gol, com Natan, garantiu a tranquilidade e a primeira vitória sob o comando do técnico Alexandre Boeira. Agora, serão dois jogos pela frente fora de casa, diante da AFF (Fortaleza dos Valos) e Abelc (Boa Vista do Buricá).

Até a próxima!

Sejam felizes, vocês merecem!


Leia Também A ciência como ferramenta para a sabedoria Quebra-molas são permitidos, “em casos especiais” Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Zamil: uma grande equipe nos representou em 2017 A Taça Maldita!