A importância do olhar do professor no processo de aprendizagem

Postado por: Caroline Garcia Silva

Compartilhe

Quando pensamos na profissão de professor é necessário se compreender que o “ensino” e a “aprendizagem” são um processo, em determinados momentos de difícil compreensão e apreensão, que não se restringe apenas a processos mentais e individuais, mas sociais e intersubjetivos.

É a partir do momento em que a criança passa a frequentar instituições de educação que são detectados problemas na aprendizagem. O professor acaba conversando e orientando os pais, quando surgem as dificuldades no desenvolvimento das atividades escolares, e é dever da família buscar uma ajuda/atendimento. Muitos problemas que acompanham as crianças e podem interferir ou dificultar o seu desenvolvimento escolar não estão caracterizados como problemas de fato.

É notável que o professor reflita sobre o assunto e ter um entendimento de que as classes escolares são heterogêneas; que é necessário construir o conhecimento a partir da diversidade, oferecendo meios diversos de aprender de acordo com os discentes.

A área da saúde vem para auxiliar, buscando oferecer o diagnóstico e a terapêutica complementar, buscando construir uma prática pedagógica que possibilite a interação e aprendizagem escolar desse sujeito diagnosticado. Por meio de laudos médicos é possível apoiar o atendimento de crianças que apresentem não apenas as deficiências comuns como deficiência visual, mental, física, surdez, etc... Mas ainda os transtornos globais do desenvolvimento que interferem no processo de aprendizagem.

Leia Também Falecimento de titular de firma individual causa a extinção da execução fiscal Treinamento psicológico e o efeito no grupo A ciência como ferramenta para a sabedoria Quebra-molas são permitidos, “em casos especiais”