O dia em que a torcida colorada não chorou!

Compartilhe
Depois do empate de ontem no Rio apresentando aquele futebol ridículo, que foi durante toda a competição a torcida colorada sabia que o fim era eminente, só faltava fechar o caixão para o pior time da história, com exceção do goleiro.

O presidente eleito Marcelo Medeiros terá uma missão que será fazer uma faxina no Beir-Rio e mandar todos os ratos embora. Quatro treinadores em um ano é um fiasco sem precedentes nos seus 113 anos. Começou a cair lá atrás, durante a eleição de Pífero quando tinha Abel na mão, que levou a equipe para libertadores. Diego Aguirre, Argel, Roth, Falcão e Lisca, pode isso? Uma vergonha. Em 2017 vamos disputar a segundona, o grande orgulho dos colorados era não ter caido e agora caímos.

Vamos começar de novo, fazer um time descente. O Inter caiu porque fez uma equipe de segundona e agora terá que fazer time de A para jogar a B, caso contrário não volta. Estamos tristes, magoados, feridos. Daqui mil anos estará escrito que nós fomos para a segundona, mas merecemos foi um time sem vergonha, covarde e que não soube vestir o manto sagrado com dignidade e agora todos os colorados querem uma limpeza uma faxina para se reerguer e voltar com força total. Que a segunda faça todos refletirem para que isso jamais volte a acontecer.

Para Sempre Colorado...Voltaremos em 2018 !!!

Leia Também Redução da maioridade penal só com uma nova constituinte Benefícios da semente de romã e saúde da pele Entidade de proteção animal - projeto de lei prevê dedução do IR A gestão de resíduos sólidos nos condomínios