Empresa reconhece atraso no recolhimento de lixo

Postado por: Ronaldo Rosa

Compartilhe

Moradores de muitos bairros de Passo Fundo estão decepcionados com o serviço de coleta de lixo. Um dos coletores passa antes, amontoa o lixo para depois ser recolhido, quando passa o caminhão. Acontece que neste intervalo de tempo os cachorros e gatos, de rua, fazem a festa, deixando tudo espalhado. Esta sujeira fica para trás, gerando mal cheiro e proliferação de bichos, o que é muito perigoso, num período onde a picada de um mosquito pode matar o homem. A empresa responsável por este serviço reconhece que depois que passaram a cumprir as novas regras do Ministério do Trabalho, vem ocorrendo atraso na coleta, pois os garis não podem mais ficar correndo atrás do caminhão e na maioria do percurso devem ir na cabine, com o motorista, o que representa perda de minutos preciosos em comparação com o sistema antigo.

 Lixo colocado tardio no cesto não pode ser recolhido

Outra norma importante e que a população precisa ser melhor informada é que os lixos colocados nos cestos, depois que o coletor fez o monte, não serão levados, os garis estão proibidos de pegar no cesto, sob pena da empresa ser multada, por não cumprir a determinação. Então, se for o caso, é preciso o morador observar onde está o monte e largar lá, senão este lixo vai ficar para outro dia. O telefone da empresa para mais informações é 33114814.

 Só agora as forças armadas?

O anúncio do decreto presidencial, autorizando as forças armadas a realizar vistorias nos presídios, inegavelmente é uma boa notícia, porém é surpreendente toda esta burocracia para uma coisa tão urgente, por isso que o Estado demora para dar respostas a sociedade. Sinceramente as forças armadas pesam muito para o país e pouco se aproveita da sua capacidade, muitos oficiais e servidores de toda a ordem, ganhando bem, sendo bem tratados, mas que pouco retorno dão, afinal as forças armadas não servem apenas para ficar esperando acontecer uma guerra, podem trabalhar em outras situações também.

Bom mesmo que a Brigada Militar cumpra o seu papel

Também é elogiável ver a Brigada Militar realizando blitz na noite de Passo Fundo, principalmente agora no verão, quando mais pessoas estão pelas ruas, quando rola mais bebidas e drogas e consequentemente a baderna e a perturbação do sossego público, se afloram. Estamos tão desacostumados em ver a polícia, que a operação recente, na rua independência, causou enorme surpresa, como se fosse algo de outro mundo, quando na verdade deveria ser rotina. De qualquer forma está de parabéns o comando por esta iniciativa, levando em conta tudo que está acontecendo, a falta de efetivo e de motivação dos policiais. Vamos ficar na torcida para que se repitam as blitz, barreiras e abordagens, a população de bem agradece.

Leia Também Primavera Matam a educação pública, aos poucos! A periferia como lugar de atenção da Igreja Católica de Passo Fundo Orgulho Gaúcho