Antiga estação férrea da Gare recebe nova exposição

Compartilhe

A movimentação artística na antiga estação férrea da Gare, carinhosamente chamada de Galeria Estação da Arte, recebe uma nova exposição a partir desta quarta-feira (08). Promovida pela Confraria das Artes, “I can’t breathe” – Eu não consigo respirar, da artista Xixa Silveira, tem abertura às 18h. Toda a comunidade está convidada para participar.

A exposição retrata a tragédia ocorrida em New York em 17 de julho de 2014 com o jovem Eric Garner: “um jovem negro americano, morto por um policial branco”, como conta a introdução desta história. A artista busca instigar uma experiência imersiva e reflexiva para o público.

Descrição
“Foi morto [Eric] por estrangulamento, sem a menor chance de defesa. A respiração é forma que o corpo humano tem de obter elementos vitais para sua sobrevivência, existência e socialização. Impedir que tais elementos cumpram tal função é uma das maiores desumanidades da humanidade, seja consciente ou por negligência. Percebesse o descaso e total ausência de empatia encravadas em discursos internos e externos muitas vezes preconceituosos, antiéticos e que ferem profundamente o direto do ser humano em simplesmente SER humano na diversidade e complexidade que impele esse ser.”

Com curadoria de Lindiara Paz, que também fez a montagem ao lado de Jeferson Douglas, a exposição “I can’t breathe” – Eu não consigo respirar fica em cartaz até o dia 28 de fevereiro.

A antiga estação
O espaço da antiga Estação Férrea da Gare foi revitalizada junto ao Parque da Gare pela administração municipal, iniciativa que retomou o patrimônio público, histórico e cultural do espaço que faz parte das memórias de Passo Fundo.


(Foto: Divulgação)

Leia Também Confira o gabarito do Vestibular da UPF Vestibular de Verão UPF registra abstenção de 6,21% Presidente Nacional da OAB recebe medalha da Universidade de Passo Fundo “Oliver - O espetáculo continua”