As escolas estaduais precisam de atenção

Postado por: Juliano Roso

Compartilhe

Há algumas semanas tenho realizado um trabalho de visita a escolas estaduais de Passo Fundo. Do total de 27 instituições estaduais existentes em nossa cidade visitei sete delas. Em todas, há problemas estruturais. Isso sem falar na carência de professores e funcionários (mas isso falaremos em outro momento). Desde o início destas visitas tenho conversado com alunos, pais e professores para conhecer um pouco mais de cada comunidade escolar. E esse esforço não tem sido em vão. Ao encontrar demandas tenho feito o possível para intermediar as respectivas resoluções.

Recentemente conseguimos, em um trabalho conjunto com outras pessoas e entidades, resolver o impasse da comunidade da Escola Estadual Anna Luísa Ferrão Teixeira, localizada na Vila Fátima. O prédio da escola estava interditado desde agosto do ano passado por problemas de infiltração e também na rede de energia elétrica. Após encontro com a direção da Secretaria Estadual de Educação obtive a confirmação da liberação das obras para este mês.

E é essa a intenção deste trabalho realizado nas escolas públicas estaduais de nossa cidade. Não é apenas criticar a falta de determinada estrutura. Mas sim participar ativamente, junto ao governo do Estado, com a construção de uma alternativa concreta para solucionar o problema e tornar a escola um ambiente seguro e viável para a educação de nossas crianças.

Leia Também William II Elo passado-presente-futuro Sujeito descansado Maneiras de usar o floral nesse verão 2018