Polícia Rodoviária Estadual não descarta fechamento de posto de Coxilha

Compartilhe

O posto da polícia rodoviária estadual de Coxilha, na RS-135, junto ao pedágio, corre o risco de ser fechado. Ele já teve 18 policiais, atualmente está com oito e nos próximos dias mais dois patrulheiros se aposentam. O subcomandante do 1º Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual, major Bertóglio, disse que o comando traça muitas estratégias nesse momento para evitar o fechamento de postos, mas entende que não será possível manter estabelecimento aberto sem os mínimos recursos humanos.

O Batalhão, que atende 200 municípios gaúchos, tinha 270 policiais, hoje dispõe de apenas 165. E o ritmo de aposentadorias continuam, sobretudo, com a possibilidade de elevação do tempo de contribuição, conforme as propostas de lei que estão em tramitação no Congresso e também na Assembleia Legislativa.

O posto de Coxilha, por exemplo, atende 400 km de rodovia e para isso precisaria de mais policiais. Bertóglio, propõe, inclusive, a transferência do comando para Coxilha. Com isso, a equipe do setor administrativo poderia colaborar na fiscalização do trecho.  

Leia Também Sindicalistas avaliam que greve geral foi um sucesso; para governo, mobilização fracassou Imposto de Renda: número de declarações entregues supera expectativa Organização criminosa roubou e vendeu mais de 1,5 mil carros no RS Rio: morre radialista atingida por carro alegórico no Carnaval