Alimentação para Mulher

Postado por: Jureci Machado

Compartilhe

Na semana que inicia as comemorações alusivas ao dia da mulher, não podemos deixar de falar sobre as questões referentes à sua qualidade de vida incluindo especialmente a alimentação:

A mulher, durante a sua vida, passa por várias fases que impactam diretamente seu estado nutricional e consequente sua qualidade de vida, por isso é importante levar em consideração:

Dos 30 aos 45 anos

Cálcio: Nessa faixa etária, o consumo de cálcio, nutriente importante na prevenção da osteoporose. Para alcançar a recomendação diária é necessário o consumo de laticínios, vegetais verdes, sardinha, peixes, considerando que outros minerais também auxiliam na formação e manutenção óssea, como fósforo e magnésio, presentes nos cereais integrais ovos, legumes e frutas.

Fibras

- É muito comum a queixa de problemas com o funcionamento intestinal. Uma alimentação rica em fibras pode ajudar a resolver essa situação. Para isso é necessário o consumo diário de frutas, verduras, legumes, cereais integrais, acompanhado de uma ingestão adequada de água (1,5 a 2L).

TPM

- Alterações de humor, ansiedade dores de cabeça e outros sintomas fazem parte desse período de grande desconforto para muitas mulheres que sofrem de TPM, evitar alimentos açucarados, gordurosos e ricos em sal devem ser evitados, além de consumir aveia, linhaça, soja, gergelim, chá verde podem minimizar esses problemas.

Inchaço

- Também é comum as mulheres reclamarem muito de inchaço e  retenção de líquidos, para evitar isso, é importante ingerir bastante água, além de diminuir o consumo de sódio podem resolver o problema, especialmente evitando os alimentos industrializados.

Metabolismo

- A partir dessa idade o gasto de energia corporal começa a declinar e o metabolismo pode começar a ficar mais lento. Um dos motivos dessa alteração é a perda muscular progressiva que inicia, os músculos são grandes consumidores de calorias, por este motivo é fundamental a prática de exercícios regulares.

Dos 45 aos 60 anos

Menopausa

- No processo de envelhecimento há uma queda dos níveis de estrogênio  que é conhecida como climatério. A menopausa é a interrupção dos ciclos menstruais, que geralmente acontece nessa faixa etária, sendo que a reposição hormonal consegue contrabalançar alguns efeitos secundários, mas uma alimentação saudável e exercícios físicos regularmente podem contribuir de forma muito positiva. Algumas recomendações são importantes na alimentação: aumentar o consumo de frutas, verduras e legumes, aumentar também o consumo de fibras que promovem a saciedade, que vai auxiliar na manutenção do peso. A soja e linhaça e os seus derivados podem ajudar a normalizar os níveis de estrógeno, que é o hormônio responsável por essas alterações hormonais como ditos anteriormente.

Leia Também Psicastenia Homenagem a clubes da cidade gera polêmica A mais equilibrada Série Prata dos últimos anos O que evitar quando há retenção de líquidos?