Papa chega a Milão e visita famílias na periferia

Compartilhe
O Santo Padre deixou o Vaticano, na manhã desse sábado (25/3), às 7h10 (hora local), e se dirigiu ao aeroporto romano de Fiumicino, para mais uma Viagem Pastoral: a visita à cidade de Milão.

Milão, capital da região da Lombardia, no norte da Itália, a segunda maior do país, tem uma população de cerca de um milhão e meio de habitantes. A capital lombarda é cosmopolita: quase 14% da população é de origem estrangeira. A cidade continua sendo um dos principais centros industriais da Europa; sua economia é uma das mais ricas do mundo e uma das mais caras também, além de ser classificada como uma das mais poderosas e influentes.Milão é conhecida mundialmente como a capital do design e da moda, e tem um rico patrimônio cultural e religioso. 

 A Arquidiocese é dirigida pelo Cardeal-arcebispo Angelo Scola. A Sé da cidade de Milão tem a famosa Catedral ou “Duomo” dedicada a Santa Maria Nascente. A arquidiocese, com suas 1.108 paróquias, é uma das mais extensas do mundo. Seu Padroeiro é Santo Ambrósio, que foi Bispo da cidade de 374 até 397.


Fonte: Rádio Vaticano

Leia Também Definidos lema e intenções da Romaria de Nossa Senhora Aparecida Dom Rodolfo realiza visita pastoral em Sarandi Arquidiocese de Passo Fundo desenvolve campanha em apoio aos atingidos pelo temporal Domingo marcado pelas festas de Santo Antônio