Cresce o número de pessoas intolerantes ao feijão

Postado por: Jureci Machado

Compartilhe

O feijão é um dos alimentos mais populares na mesa brasileira, porém tem aumentado o numero de pessoas que apresentam sensibilidade e reações alérgicas tardias a esse alimento e a outras leguminosas, como por exemplo, a lentilha e as ervilhas.

As leguminosas são conhecidas por serem nutritivas e ricas em proteínas. As proteínas das leguminosas são tradicionalmente reconhecidas por possuírem um potencial imunogênico e alérgico muito alto.

Como a maioria das pessoas perde a capacidade digestiva devido à redução da permeabilidade intestinal, favorece para dificuldades digestivas e aumente a formação de gases intestinais.

 Estas proteínas são muito difíceis de serem digeridas, sendo que as enzimas digestivas conseguem apenas digerir uma parte delas.

Uma das técnicas mais usadas  pra minimizar esse problema é,  deixar de molho as leguminosas (principalmente o feijão e a lentilha) por 24h sob refrigeração , escorrer a água  e depois fazer o cozimento em fogo alto e sob pressão. Desta forma, boa parte do problema é resolvido, o que torna estes alimentos muito mais propícios para o consumo e digestão correta.

Caso você tenha essa sensação de desconforto abdominal, procure fazer o teste de intolerância ou alergia para  ter realmente a certeza de que é mesmo a leguminosa causadora do desconforto muito embora, possa ser algum tempero.

Leia Também Ministério da Saúde libera recursos para o Qualifar-SUS Alimentos ricos em Potássio Nossa Senhora da Conceição Advento: Esperar com esperança