Dia do trabalho e do trabalhador

Postado por: Maria Vani Gehlen Ramos

Compartilhe
A origem da solenidade do dia do trabalho (1º de maio) surgiu no Congresso Socialista, realizado em Paris, em 1889. Na proposta estavam assinaladas as lutas pela redução da jornada de trabalho, melhores condições de trabalho e melhores salários. O contexto era de luta contra o capital. 
O Papa Pio XII usou, nesta data, como modelo de um trabalhador, o carpinteiro José, esposo de Maria e pai adotivo de Jesus. Foi a maneira de introduzir a dimensão do amor neste mundo conflitivo.  Capital e trabalho, direitos e deveres, patrões e operários devem convergir para um único fim: o bem comum de todos.
(do livro O tempo de Deus).
Como encaramos o nosso trabalho de todos os dias? O fazemos com amor, justiça e responsabilidade?
No Brasil de hoje uma taxa exorbitante de desempregados lutam para suprir suas necessidades e daqueles que estão sob sua responsabilidade. O que vemos é triste e vergonhoso. Não fosse a ganancia de alguns não estaríamos presenciando tantas injustiças contra a classe trabalhadora. Pregam-se obrigações e se esquecem dos direitos, para que o trabalhador possa ter uma vida digna e justa. 
Apesar do panorama injusto e desesperador que se apresenta nos dias atuais precisamos nos alimentar de esperança e esperar, confiantemente e milagrosamente, por dias melhores. 
São José, operário,. rogai por nós.

Leia Também Quebra-molas são permitidos, “em casos especiais” Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Zamil: uma grande equipe nos representou em 2017 A Taça Maldita! Eu só penso naquilo!