Falta dinheiro para obras de trânsito.

Postado por: Ronaldo Rosa

Compartilhe

Estamos no período da campanha “Maio Amarelo”, que visa fortalecer a conscientização no trânsito, para evitar acidentes e principalmente mortes no perímetro urbano. A campanha também visa educação e melhor relacionamento, entre pedestres e motoristas. Além disso, precisamos investimento no trânsito, mas no momento somente tem sido possível sinalização, pois falta dinheiro para obras, que poderiam trazer mais segurança e mudar a realidade da cidade. Tanto é verdade que as ultimas duas grandes obras de trânsito, em Passo Fundo, são das décadas de 70 e 80. A primeira feita pelo prefeito Firmino Duro, que tirou os trilhos de dentro da cidade e transformou em ruas. A outra do prefeito Carrion, que construiu as perimetrais, abrindo os horizontes do município. Lá se vão mais de 30 anos e nenhuma outra obra foi realizada, a não ser a melhoria das vias, com pavimentação e isso não aconteceu por má vontade dos prefeitos, é que requer milhões de reais para fazer obras de trânsito e isto não é tão fácil assim, fosse alguém já teria feito.

 

Borboletas pela vida

Ainda sobre trânsito, no próximo dia 20 de maio, serão realizadas as pinturas de três borboletas no asfalto em Passo Fundo, duas na Avenida Brasil, onde uma moça perdeu a vida, próximo ao Bourbon, outra, no cruzamento Ângelo Preto, onde uma viatura da BM colidiu na praça, onde tem o monumento alusivo a Jornada de Literatura. A terceira borboleta é na Independência, no cruzamento com a Capitão Eleutério, onde morreu atropelado o dono do Hotel Itatiaia. A iniciativa é da ONG, Tiago Gonzaga, que realiza o programa “Vida Urgente”, que faz um trabalho voluntário e imprescindível nesta cruzada de salvar vidas no trânsito.

 

Depoimento de Lula

Quem é da área do direito sabe que o depoimento do ex-presidente Lula, ao Juiz Sérgio Moro, ganhou proporções que não precisavam. Claro que pela importância do réu não é uma audiência qualquer, mas se criou um clima de guerra, disputa regata com muito ódio, o que não é bom para o Brasil. Se Lula tem culpa no cartório, a verdade virá a tona, mais cedo ou mais tarde. Se não tem, que eu duvido que seja então esclarecido e segue o barco. Estamos vivendo um período político no país dos mais perigosos, faltando muito pouco para uma guerra civil, de quem é a favor ou contra, este ou aquele. Não tem como acreditar na política, nos políticos, nos partidos, nos sindicatos, nos movimentos, enquanto o comportamento for este, pobre do nosso Brasil, pois as esperanças e as alternativas para mudar isso são mínimas.

 

Dizem por aí... Que a retirada da escadaria do clube Comercial é uma obra de trânsito viável e que pode acontecer a qualquer momento. Será verdade?

Leia Também Curiosidades sobre o Fusca Como fica o Congresso após a aprovação da Reforma da Previdência? Com sapato ou sem sapato O bom samaritano