Depoimento de Lula serviu de desperdício do dinheiro público

Postado por: Ronaldo Rosa

Compartilhe

O depoimento do ex-presidente Lula, em Curitiba, não acrescentou praticamente nada, ao processo e investigações em andamento, onde ele é suspeito de práticas corruptas. Afinal, Lula respondeu quase todos os questionamentos com meia dúzia de palavras e o que mais disse foi, não sei, não é verdade, não, não e não. O depoimento foi apenas protocolar e frustrou muita gente que torcia para que o ex-presidente fosse até preso, após a sua manifestação perante o juiz Moro. Aliás, essa é a parte mais decepcionante da história, pois não se trata de uma partida de futebol, onde torcemos doentiamente e se negamos a enxergar os defeitos do nosso time. O que aconteceu em Curitiba foi mais uma vergonha para o nosso país, vários deputados presentes, com certeza usufruindo de diárias para fazer esta viagem e o povo pagando tudo mais uma vez. Além disso toda a estrutura montada, pela Judiciário e pela segurança pública, para receber a beldade. Um gasto de dinheiro público desnecessário. Os políticos, sem vergonha na cara e com a lábia afiada, ainda depois fizeram discursos em via pública, alimentando a alienação e lavagem cerebral de milhares de pessoas. Como tenho dito, a esperança na política anda muito pobre e a culpa disso é que somos, no sentido de povo, massa de manobra.

 

Bancários em favor do Banrisul

A categoria dos Bancários, liderada pelo seu sindicato, está de parabéns por fazer o levante contra a privatização do Banrisul. Sou daqueles que defendo que muitas estatais que só dão prejuízo ao Estado e que não funcionam bem, passem para a iniciativa privada, mas não é o caso do Banrisul. Conforme dados da Moção em defesa do Banrisul, o banco possui patrimônio líquido de 6,7 bilhões e em 2016 obteve lucro superior a 643 milhões de reais. A maior parte deste lucro fica para o Estado, como principal acionista, então não tem razão para abrir mão disso. A população gaúcha precisa ficar atenta, pois provavelmente teremos um plebiscito para decidir, onde para o bem de todos nós, esta iniciativa precisa ser sepultada.

 

Saudade das mães de antigamente

Os tempos modernos provocaram uma reviravolta na sociedade, a irresponsabilidade de muitas pessoas é revoltante, pois botam filhos no mundo e depois deixam se criar a própria sorte. Antigamente pai e mãe tinham mais valor, pelo fato de se darem o respeito. Hoje não se tem as rédeas dos filhos, devido os bons exemplos que estão em extinção. Os filhos pensam, "se os meus pais são assim, por que tenho que ser diferente"? No programa Frente e Verso, deste sábado, pela Rádio Planalto, este tema estará em debate e queremos saber a sua opinião. Afinal, as mães de hoje em dia são diferentes em que aspectos? Ligue, participe, dê a sua opinião. O programa vai ao ar a partir das 10 horas.

 

Dizem por aí... Que não se faz mais mães como antigamente. Será verdade?

Leia Também Marta e Maria Curiosidades sobre o Fusca Como fica o Congresso após a aprovação da Reforma da Previdência? Com sapato ou sem sapato