É preciso aceitar a gangorra

Postado por: Cristian Queiroz

Compartilhe

Eu entendo, juro que entendo. É perfeitamente compreensível a amargura dos amigos vermelhos. Não poderia ser diferente pelo momento que os dois times estão vivendo. O Grêmio vem bem, apresentando um futebol exuberante. Daí na quarta-feira o Corinthians goleia o seu adversário fora de casa marcando cinco gols. Ufa, pensaram os vermelhos, tem um time que é melhor que o Grêmio. Eis que na quinta-feira o tricolor vai até Chapecó e faz seis fora de casa! O que resta após isso?  Tentar desqualificar uma sonora goleada aplicada por um time que já fez 5x0 no Inter em outro time que também já fez 5x0 no Inter.

Mas como disse no início do texto, eu entendo. É compreensível, eu já passei por isso também! Em 2005 enquanto amargávamos a B o colorado brigava pelo título da A. Esse é o poder da gangorra. Amigos colorados, não fiquem brabos comigo. O momento é nosso, não tem o que fazer, e todos sabemos que isso não vai durar para sempre, num futuro, que me parece estar bem distante, o jogo vira e as coisas se invertem. Isso é futebol. Portanto aceitem, não utilizem suas forças na tentativa de desqualificar as vitórias tricolores, o momento do time de vocês exige muito atenção e preocupação.

GAÚCHO

O Periquito é outro, o futebol que está apresentando no segundo turno é muito melhor do que o do primeiro, os três jogos até aqui mostram isso, quarta em Igrejinha perdeu porque a arbitragem prejudicou o Gaúcho e ontem contra o PRS dominou o primeiro tempo e abriu 2x0, no segundo relaxou e passou sufoco. Mas o importante é ver o crescimento do Gaúcho nesse momento decisivo da competição, está todo mundo igual nesse momento e os verdes podem sim sonhar com o acesso.

PASSO FUNDO FUTSAL

Toda semana eu repito aqui que o futsal vai muito bem obrigado, o time dentro de quadra está em crescimento e a diretoria muito bem organizada. Porém o que aconteceu no último sábado fora das quatro linhas foi lindo, foi emocionante. Abrir os portões do ginásio, trocar ingresso por donativos para a cidade do time adversário mostrou a grandeza dessa equipe e também da cidade que surpreendeu com a quantidade de doações arrecadadas. E dentro da quadra mais uma vitória, 4x3 diante de um adversário forte que vai brigar pela classificação. O Passo Fundo é segundo colocado, três pontos atrás do líder Parobé que é o adversário do próximo sábado fora de casa, será um jogão de bola para medir força entre os dois melhores times da Prata até aqui.

Boa segunda!

Leia Também Elo passado-presente-futuro Sujeito descansado Maneiras de usar o floral nesse verão 2018 O Enem para além do "tema"