Nadando contra a maré

Compartilhe

Olá amigos! Hoje vou compartilhar com vocês algumas experiências exitosas no setor público e privado, alcançadas através da boa gestão. Apesar do momento de crise econômica que estamos vivenciando, o município de Camargo, as empresas Italac e a Rede de Farmácias São João parecem estar “nadando contra a maré”.

Camargo, localizado a 253 km de Porto Alegre, tem aproximadamente 2.700 habitantes e, nesse ano, conseguiu acabar com o déficit habitacional do município, entregando 50 casas construídas através do Programa Habitacional Minha Casa Minha Vida – Entidades. Além disso, firmou convênio com o Ministério das Cidades para a realização das obras de infraestrutura urbana no local, como: pavimentação, construção de passeios, instalação de rede de energia elétrica, hidráulica e pluvial, saneamento básico e arborização.

O custo total do projeto foi de mais de 3 milhões de reais. Segundo a Prefeita, Eliani Mesacasa Trentin “todos os esforços da administração foram para proporcionar às pessoas uma casa digna e de qualidade para viver”. Enquanto vemos pelo Brasil a fora tantos exemplos de políticos demagogos, que apenas erguem “4 paredes” para as famílias morarem, é gratificante poder divulgar o bom exemplo de Camargo.

No período em que o Brasil registra um número assustador de mais de 13% de desempregados, em Passo Fundo, algumas notícias nos deixam mais esperançosos. Uma delas é o investimento feito pela Rede de Farmácias São João, que investiu mais de 100 milhões na construção do centro de distribuição e operações administrativas da empresa. E outra, é o anúncio do investimento da Italac, em torno de 117 milhões entre as unidades de Passo Fundo e Tapejara. A empresa tem como meta gerar, só em Passo Fundo, mais de 100 empregos diretos.

Como ex-prefeito e cidadão, torço para que o Brasil volte a crescer e que exemplos como esses se tornem regra, e não apenas raras exceções no meio de tantos municípios com dificuldade financeira e empresas fechando suas portas.

Você sabia?

O déficit habitacional do Brasil ultrapassa 6 milhões de famílias, considerando os 26 estados da Federação e o Distrito Federal.

 

Leia Também Derrota e ensinamentos na Série Prata Alimentos que tiram a fome despesas de capatazia não entram no cálculo de Imposto de Importação Canudinho Plástico: Um problema que pode chegar ao fim