Quando nossa vida permanece a mesma e porque não aprendemos nada

Compartilhe

Tenho visto pessoas que passam por limitações em diversas áreas da vida. E algumas delas buscam ajuda, fazem cursos, leem um livro aqui e outro ali e conquistam alguma melhora.

A importância do constante aprendizado para as equipes ou pessoas e de fundamental necessidade. Precisamos estar em constante crescimento e aprendizado, pode ser através de treinamentos curtos ou imersão. A aprendizagem por imersão e um processo acelerado, uma maneira de aprender o que for necessário para realização da meta em um curtíssimo espaço de tempo.  E nesse sentido é muito importante que entendamos que aprender é sinônimo de mudar. Pois sempre que aprendemos mudamos algo em nossa vida. Quando nossa vida permanece a mesma, é porque não aprendemos nada.

Dentro de uma capacitação de imersão potencializamos nossa mente para ampliar nossos conhecimentos e nossa sabedoria de colocar em pratica a vivencia adquirida na imersão. Mas quando existem pessoas que passam por um processo de imersão e não mudam nada em sua vida pessoal ou profissional, algo chama a nossa atenção. Ou a imersão é falha e ineficiente no seu conteúdo ou essas pessoas não aprenderam nada como a experiência. Elas podem ter entendido tudo o que foi abordado, mas não  compreendem  como aplicar na vida no seu dia a dia.

Constantemente vemos tantas pessoas que não dão sequencia a algo tão simples e com possibilidade de resultados rápidos, simplesmente por não compreender como aplicar em sua vida o aprendizado. Ai começa um vozinha em nossa mente a nos questionar:  O que fazer? Como utilizar esses aprendizados em minha vida? Como meu colega conseguiu e eu não consigo colocar em prática? São várias as perguntas que nos fazemos no dia a dia.

O importante disso tudo, e que nunca podemos parar de querer saber mais e mais, peça ajuda para seus colegas, questione mais, tente aplicar na prática umas das ferramentas que aprende nas capacitações ou imersões.  Faça a diferença pra você mesmo, não importa se errou uma ou mais vezes, o importante que você tentou e acertou uma vez ou mais. APREENDER E MUDAR.

 

Leia Também Estado falha e municípios pagam a conta da saúde O cão, o trigo e o Fusca Não incide IOF sobre fluxo financeiro em participação em sociedade “Enviados para testemunhar o Evangelho da paz”