Era preciso ter escapado do Inter

Postado por: Cristian Queiroz

Compartilhe

Eu havia escrito umas semanas atrás que o Gaúcho precisaria fugir do Inter no confronto das quartas de final da segunda divisão. Não poderia terminar a segunda fase na quarta colocação para não pegar o colorado no mata-mata, mas foi o que aconteceu. O Internacional venceu 22 dos 24 jogos nessa competição, empatou duas vezes e ainda não sofreu nenhuma derrota. Esse é o desafio do Gaúcho para conseguir comemorar o seu centenário em uma divisão melhor. Faltou ao Periquito pontuar fora de casa, na Arena o Gaúcho terminou a segunda fase invicto perdendo pontos apenas ao empatar com o Grêmio, porém como visitante não conseguiu somar um ponto sequer, perdeu todas e nos quatro jogos sofrendo três gols.

Por isso eu não acho justa a presença da dupla nesta competição, os clubes são humildes, a duras penas conseguem colocar o time em campo, a estrutura fica anos luz atrás da oferecida pela dupla. Grêmio e Inter não disputam vaga no Acesso, apenas participam e vai acontecer o que eu falei aqui uns meses atrás, um time do interior vai ficar pelo caminho por conta da dupla, e infelizmente um desses times deverá ser o Gaúcho. É claro que pode acontecer a classificação, mas precisamos ser realistas e entender que é Davi contra Golias. Vale lembrar que o presidente do Gaúcho foi o único contrário a presença da dupla.

Fora de campo o Gaúcho viveu dias conturbados, o afastamento dos envolvidos no vídeo tornou o fato conhecido nacionalmente. Acredito que o presidente Gilmar Rosso fez a coisa certa, não tinha como manter os atletas no grupo, não tinha como colocar eles em campo, o afastamento uma exposição ainda maior dos envolvidos. E não tem nada de homofobia nesse caso, ora, os jogadores expuseram o clube, o quase centenário Sport Clube Gaúcho virou motivo de chacota pelo que eles fizeram, os torcedores ficaram envergonhados com a situação, é preciso olhar por esse ângulo também. Eles não pensaram nas consequências que aquilo que eles chamaram de brincadeira poderia trazer, achar que o Gaúcho foi injusto com eles é brincadeira de muito mau gosto! Injusto foram eles que não souberam respeitar a instituição, a camisa que estavam vestindo e principalmente com o torcedor!

GRÊMIO

O velho problema que já fez o Grêmio perder títulos acontece novamente. Time que quer ser campão brasileiro não pode perder pontos em casa para o Avaí, anotem, o campeão brasileiro 2017 vai fazer 6 pontos contra Avaí, Sport, Vitória...

E ao Renato cabe encontrar uma maneira de seu time conseguir jogar contra times retrancados, tem que achar o jeito de furar a retranca, senão o ano não será tão bom quanto o torcedor está imaginando.

Boa segunda!

Leia Também Falecimento de titular de firma individual causa a extinção da execução fiscal Treinamento psicológico e o efeito no grupo A ciência como ferramenta para a sabedoria Quebra-molas são permitidos, “em casos especiais”