Polícia esclarece homicídio de Alaércio Michelin

Compartilhe

Polícia esclarece homicídio de Alaércio Michelin

Em entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira, a delegada Daniela MInetto esclareceu o fato e a motivação do crime que vitimou o comerciante e estudante de Direito Alaércio Michelin. Ele foi morto com golpes de barra de ferro na cabeça na noite da última sexta-feira, na Rua Fagundes dos Reis.
O suspeito é um colega de faculdade, de 26 anos, e que se encontra foragido. Conforme o relato da delegada, com base nas câmeras devídeo de empresas próximas, foi possível perceber que o autor fugiu, após o crime, pela Rua Moron e seguiu pela Benjamin Constant, dirigindo-se à região da Praça Tochetto.
O suspeito, com nome não revelado, será indiciado por homicídio triplamente qualificado. Foi decretada a sua prisão preventiva. A motivação do crime seria uma dívida.

Acompanhe a manifestação da delegada Daniela Minetto:

Delegada Daniela Minetto

Leia Também Toffoli pede vista em julgamento do STF sobre restrição ao foro privilegiado Justiça da Itália condena atacante Robinho a nove anos de prisão Moradores reclamam de comemoração após vitória do Grêmio Presidente da BSBIOS participa de Fórum na Austrália