Francisco Turra é Personalidade do Agro 2017

Compartilhe

Francisco Turra receberá o Prêmio Personalidade do Agronegócio Ney Bittencourt de Araújo 2017, um dos mais prestigiados do setor no Brasil. A entrega será feita durante o 16º Congresso Brasileiro do Agronegócio (CBA), dia 7 de agosto, em São Paulo. O evento é promovido pela Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), entidade cujos componentes correspondem a pelo menos 10% do PIB nacional.

“Para nós, é motivo de grande honra e alegria entregar esse prêmio ao ex-ministro Francisco Turra. É um reconhecimento por sua atuação à frente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) e por tantas contribuições ao longo da sua vida profissional e de homem público em favor do agronegócio brasileiro”, explica o presidente da Abag, Caio Carvalho. Ano passado, o agraciado foi o governador do Mato Grosso, Pedro Taques.

Natural de Marau (RS), Francisco Turra é presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal desde 2014. Em mais de 40 anos de vida pública, foi prefeito de sua cidade natal, deputado estadual e federal, presidente da Conab, diretor de agronegócios da Fiergs e do BRDE. Em 1998, comandou o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, onde criou programas como Moderfrota, de financiamento para a compra de equipamentos agrícolas. 

A edição desse ano do CBA tem como tema "Reformar para competir". Painéis sobre as mudanças na legislação trabalhista e reforma tributária estão na programação, além de uma mesa redonda sobre geopolítica. Ano passado, o congresso contabilizou 830 participantes entre autoridades, executivos, lideranças setoriais e formadores de opinião; 220 jornalistas de todo o país e cerca de 5.500 visualizações pela internet. 

A Associação Brasileira do Agronegócio (Abag)

A Associação Brasileira do Agronegócio (Abag) foi fundada em 1993 pelo visionário engenheiro agrônomo e empreendedor Ney Bittencourt de Araújo. Foi ele quem introduziu o termo agronegócio no Brasil. A entidade possui hoje 60 associadas mantenedoras e conta com um conselho consultivo composto por 34 entidades do setor.

A Abag promove a aliança entre os diferentes segmentos do agro nacional, atuando como mediadora das relações entre governo, iniciativa privada, entidades de classe e instituições de ensino. 

Leia Também Como garantir uma boa produtividade de soja Antecipada entrega de sementes de milho e sorgo na segunda etapa do Programa Troca-Troca Rossato e Tonial: crescimento com os pés no chão IBGE estima queda de 8,9% na safra de grãos em 2018