Policial condenado pela morte de integrante do MST

Compartilhe

O policial militar Alexandre Curto dos Santos foi condenado à pena de 12 anos de reclusão, em regime fechado, e à perda do cargo público, pela morte do sem-terra Elton Brum da Silva. A decisão do juri popular foi tomada pouco antes da meia-noite dessa quinta pelo Tribunal do Juri, em Porto Alegre. O crime aconteceu durante reintegração de posse na fazenda Southall, em São Gabriel, em 2009.

A prisão foi decretada em plenário após 15 horas de júri popular.

O policial militar Alexandre Curto dos Santos foi denunciado pelo Ministério Público por homicídio qualificado pela morte do sem-terra Elton Brum da Silva, durante a reintegração de posse da Fazenda Southall, em São Gabriel, no ano de 2009. O militar disparou um tiro de espingarda calibre 12 contra a vítima, pelas costas, durante o confronto da tropa com os integrantes do MST.


Fonte: Rádio Guaíba

Leia Também Casal que ostentava arma de fogo no Centro de Passo Fundo é preso pela Brigada Militar Jovem é alvejado com três tiros em Ocupação de Passo Fundo Segurança de boate é morto a tiros em Passo Fundo Acidente envolve KA e Vectra na ERS 324