Escute o que seu coração deseja

Postado por: Vania Carteli

Compartilhe

A vida exige que façamos tomadas de decisões a todo o momento.  Existem decisões fáceis e decisões difíceis e a maior parte dos nossos erros se devem as indecisões. A vida recompensa aqueles que têm a coragem e a capacidade para correr riscos. Correr riscos pode nos levar a distancias além dos limites das pessoas comuns.

Tudo e aproveitável, inclusive os erros e quedas do caminho que certamente nos tornarão muito mais fortes e sábios para conduzir nossos destinos. Correr riscos significa sair debaixo dos tetos seguros que nos abriga, para atravessar o desconhecido.  Quem não arrisca, tentando evitar a dor ou o sofrimento, não aprende, não sente, não muda e não cresce. Portanto você precisa tentar.

Primeiro passo: Avalie seu momento. Faça uma reflexão sobre seu estado atual. Examine cada grupo em separado e faça uma avaliação. Considere família, emprego, escola, amigos, saúde e projete seu nível de satisfação com cada um desses grupos, destacando o que gostaria de que fosse mudado. Pense que para alterar qualquer direção e preciso de uma mudança interior por mais radical que seja ela precisa ser iniciada.

Segundo passo: Escute o que seu coração deseja. È óbvio que pensamos sempre com a razão, mas quando se trata dos nossos sonhos, tente perceber a vontade do seu coração e descubra quais destinos ele deseja chegar.  Ponha-se no imaginário desse lugar e diga para si mesmo que é lá que quer chegar e é lá que você vai chegar. Ponha essa convicção com firmeza em sua mente e deixe o coração guia-lo, pois poderá chegar tão longe quanto seus sonhos o levaram.

Terceiro passo: Decida quando fazer. Seus objetivos não podem ficar esperando como se fossem acontecer num lance de oportunidades. Eles precisam ser conquistados, não imporá a extensão e as dificuldades do caminho para leva-los ate o fim. Não existe melhor contribuição para o coração do que um objetivo claro e definido, sobre o qual a mente possa fixar seu olhar.

Quarto passo: Faça um plano. Para realizar suas conquistas, não basta apenas sonhar, mas também agir, não basta acreditar, mas também planejar. Organize a caminhada como se fosse uma grande e longa escadaria. Planeje subir degrau por degrau e jamais passe para o degrau seguinte sem antes ultrapassar o anterior, não importa quanto tempo você gaste em cada degrau. Trabalhe passo a passo.

Quinto passo: Inicie a caminhada. Não pense no dinheiro. O que pode lhe dar insegurança e ter quer abandonar um percurso ao qual você já tinha se acostumado. Numa longa caminhada, todos os passos são muitos difíceis. No entanto com os primeiros, você sairá de onde esta e inicia a caminhada e chegando mais próximo dos seus objetivos.

Você até pode ficar decepcionado se errar, mas já terá perdido se não tentar, caminhe com determinação superando os degraus um a um. Tenha sempre paciência. E provável que você perca muito tempo numa determinada etapa, mas siga em frente sempre. Se estiver convicto nada será capaz de detê-lo.  Siga o seu desejo.

 

 

Leia Também A subjetividade na perspectiva rizomática Três gols de bola aérea: onde está o problema? Cenário social x talentos do futebol A crônica de uma sentença anunciada