O ano ainda não terminou

Postado por: Jéssica Limberger

Compartilhe

Estamos em outubro e isso não é novidade. O curioso é perceber que às vezes agimos como se o ano já tivesse acabado, como se não houvesse o que esperar de 2017, como se toda a esperança residisse em 2018: “no ano que vem cuidarei da minha saúde”; “no ano que vem quero viajar mais”. Será que precisamos deixar para 2018 o que podemos fazer nesse ano? 

É provável que estejamos cansados, preocupados e pensativos no final do ano, pois geralmente acumulamos muitas tarefas e atividades. Ao mesmo tempo, pensamos nas tão sonhadas férias. É natural estarmos com o pensamento lá no final do ano, pois o nosso cérebro está constantemente realizando inúmeras conexões entre o passado, o presente e o futuro. Por mais cansados que estejamos, fará uma grande diferença a maneira como vamos encarar esses três meses. 

A boa notícia é que o ano ainda não terminou. Talvez a gente não precise esperar pelo dia 31 de dezembro para olhar para os nossos sonhos e identificar se eles foram concretizados. Quem sabe não necessitamos viver como se o ano já estivesse terminado e como se não houvesse tempo para novos sonhos e novas ideias. Talvez alguns planos ainda possam ser executados esse ano, quem sabe hoje, na próxima semana, ou no final do próximo mês. 

Tem vezes que esperamos pelas ocasiões “perfeitas” para agirmos: quando estivermos mais maduros, quando os filhos forem para a faculdade, quando nos aposentarmos... Acontece que não existem momentos perfeitos na nossa vida, mas sim oportunidades que aparecem diante de nós todos os dias, escolhas a serem feitas, momentos a serem vividos. 

Refletir sobre o ano que ainda não terminou também nos possibilita questionarmos se queremos persistir em um plano feito lá no início do ano, ou se agora este plano já não faz mais sentido para nós. Os planos nos auxiliam a direcionar o nosso caminho, entretanto não necessitamos ficar presos a eles. Temos o direito e a liberdade de mudarmos nossos objetivos e nossos planos.

Também não precisamos esperar o dia 31 de dezembro para contemplar as nossas conquistas. Aliás, reconhecer o nosso mérito pelo que alcançamos no nosso dia a dia é de grande valia, pois percebemos que estamos fazendo algo que é importante para nós. Dessa forma, acabamos identificando que mais coisas positivas estão acontecendo nas nossas vidas. 

Muito além de esperar que 2017 traga mais realizações, esse é o momento de nos colocarmos em ação para aquilo que almejamos.

Leia Também William II Elo passado-presente-futuro Sujeito descansado Maneiras de usar o floral nesse verão 2018