Polícia Civil entra em greve a partir desta segunda-feira

Compartilhe

Entra em vigor nesta segunda-feira a greve geral dos servidores da Polícia Civil (PC) no Rio Grande do Sul. A paralisação deve atinge 70% dos escrivães, inspetores e investigadores, além dos delegados, que emitiram apoio ao protesto. Só 30% deles serão mantidos em cada órgão até que o governo estadual integralize o pagamento dos salários de toda a categoria, conforme decisão da assembleia geral de quinta-feira passada.

Serão atendidas ocorrências policiais de urgência e emergência relativas a flagrantes, e as com envolvimento de crianças e idosos, além do trabalho de recolhimento de cadáveres. Não deve haver, porém, circulação de viaturas nem cumprimento de mandados de busca e apreensão.

Em princípio, pelas informações extraoficiais do governo, a quitação dos 100% da folha dos funcionários públicos se encerra dia 17. Até a data prevista a greve deve ser mantida, exceto se houver o pagamento dos salários antes do prazo especulado.

Entre os dirigentes da categoria a expectativa é de adesão total à greve. Os policiais civis já estão em operação padrão (cumprem estritamente determinações ligadas às atribuições do cargo). A corporação soma 4,5 mil servidores.


Fonte: Rádio Guaíba

Leia Também Justiça Federal realiza audiência para tratar da reintegração de posse na "Beira-Trilho" de Passo Fundo Situação de emergência em 20 cidades gaúchas pelo temporal Simpasso pede impugnação do ato que retirou insalubridade e periculosidade de servidores municipais Estudante dispara contra colegas, mata dois e deixa quatro feridos em Goiânia