Todos os Santos.

Postado por: Maria Vani Gehlen Ramos

Compartilhe
Tal é a geração dos que o procuram, dos que buscam a face do Deus de Jacó. Salmo 23(24),6.
Evangelho de Jesus Cristo, segundo evangelista Mateus 5,1-12a., nos traz o relato das Bem Aventuranças. Penso que é bem significativo este evangelho ser apresentado na solenidade de Todos os Santos porque, é, realmente um código a seguir para a santidade. As bem aventuranças e os dez mandamentos se completam e são, sem dúvida alguma, o caminho para a santidade.
Mas podemos nos perguntar será que nos dias de hoje, no mundo de hoje, podemos ser santos? Penso que mais do que nunca podemos ser santos, apesar de tudo e de todos. Penso, também, que é um compromisso urgente, para os dias atuais, que sejamos santos, unicamente porque o mundo carece de amor, de paz, de justiça e de igualdade. 
Ser santo é ter presente o projeto de Jesus e fazer de sua vida um exemplo a seguir. Ser santo é vestir " a camiseta da fé" e fazer com que outros também a vistam. Ser santo é se preocupar com o próximo e ajudá-lo a ser feliz e bem aventurado. 
Porque fazemos memória aos santos e porque temos imagens deles em nossas casas e igrejas? Porque os temos como modelos de seguimento a Jesus na vivencia de suas vidas e porque fazem parte daqueles que receberam a graça de Deus e a acolheram. 
Para ser santo precisamos rezar muito? Penso que precisamos fazer de nossa vida um modelo de amor, de acolhida e de solidariedade. De nada adianta somente recitar longas e demoradas orações, ficar ajoelhado durante longas horas e não olhar para quem está ao nosso lado, muitas vezes precisando de uma palavra de ânimo para continuar vivendo dignamente. 
Ser santo, é ser, antes de tudo, HUMANO e SOLIDÁRIO. 
Bom domingo na paz do Senhor.

Leia Também Quebra-molas são permitidos, “em casos especiais” Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Zamil: uma grande equipe nos representou em 2017 A Taça Maldita! Eu só penso naquilo!