COP23 na Alemanha. Reuniões sobre o Clima são debatidas mundialmente.

Postado por: Manoela Cielo

Compartilhe

Ocorre até o dia 17/11 em Bonn, na Alemanha, a COP23 - 23º Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), sendo essa Convenção adotada no Rio de Janeiro, durante a Rio 92, onde teve início os primeiros esforços da comunidade global para combater os efeitos adversos das mudanças climáticas.

O norte-americano Donald Trump é o único que não vai aderir ao Acordo de Paris, sendo que até mesmo o ditador Bashar Al-Assad, da Síria, declarou que vai assinar o acordo, mesmo em meio a guerra, deixando fora do pacto mundial   a nação mais rica e a mais poluidora do planeta.

As mudanças climáticas já estão sendo sentidas em diversos locais do mundo e ainda tem estudos científicos apontando que o planeta vai aquecer 1,3ºC, mesmo com todos se unindo e realizando ações para reduzir as emissões.

Mas de fato, quais as ações estão sendo efetivas no Brasil para colaborar com o acordo assinado? Segundo informações o Brasil elevou em 9% suas emissões de gases estufa no ano passado. O governo está mais voltado a beneficiar as empresas ligadas à exploração, desenvolvimento e produção de petróleo, gás e outros hidrocarbonetos fluidos, andando totalmente na contramão das intenções que prevê o acordo.

O Brasil tem um grande potencial comparado a outros países. O privilégio dado pelos nossos recursos naturais potencializa a ideia de que o país pode ser uma potência eólica, solar, bem como através do aproveitamento da biomassa e de outras fontes limpas e renováveis de energia de forma inteligente, o que tornaria possível o cumprimento da meta assumida pelo país no Acordo do Clima de reduzir em 43% as emissões de gases estufa até 2030.

Para o cumprimento dessa meta será fundamental o investimento em um modelo de economia que prioriza o uso de energias renováveis e não somente baseada em recursos fósseis e essa transição trás a tona a importância da bioenergia para reduzir significativamente as emissões de gases de efeito estufa.

Leia Também 3º Domingo do Tempo Comum. Que seja feita justiça no caso “Lula” “A verdade vos libertará” (João 8, 32) Absolver é dar um viva à imoralidade