COP23 na Alemanha. Reuniões sobre o Clima são debatidas mundialmente.

Postado por: Manoela Cielo

Compartilhe

Ocorre até o dia 17/11 em Bonn, na Alemanha, a COP23 - 23º Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), sendo essa Convenção adotada no Rio de Janeiro, durante a Rio 92, onde teve início os primeiros esforços da comunidade global para combater os efeitos adversos das mudanças climáticas.

O norte-americano Donald Trump é o único que não vai aderir ao Acordo de Paris, sendo que até mesmo o ditador Bashar Al-Assad, da Síria, declarou que vai assinar o acordo, mesmo em meio a guerra, deixando fora do pacto mundial   a nação mais rica e a mais poluidora do planeta.

As mudanças climáticas já estão sendo sentidas em diversos locais do mundo e ainda tem estudos científicos apontando que o planeta vai aquecer 1,3ºC, mesmo com todos se unindo e realizando ações para reduzir as emissões.

Mas de fato, quais as ações estão sendo efetivas no Brasil para colaborar com o acordo assinado? Segundo informações o Brasil elevou em 9% suas emissões de gases estufa no ano passado. O governo está mais voltado a beneficiar as empresas ligadas à exploração, desenvolvimento e produção de petróleo, gás e outros hidrocarbonetos fluidos, andando totalmente na contramão das intenções que prevê o acordo.

O Brasil tem um grande potencial comparado a outros países. O privilégio dado pelos nossos recursos naturais potencializa a ideia de que o país pode ser uma potência eólica, solar, bem como através do aproveitamento da biomassa e de outras fontes limpas e renováveis de energia de forma inteligente, o que tornaria possível o cumprimento da meta assumida pelo país no Acordo do Clima de reduzir em 43% as emissões de gases estufa até 2030.

Para o cumprimento dessa meta será fundamental o investimento em um modelo de economia que prioriza o uso de energias renováveis e não somente baseada em recursos fósseis e essa transição trás a tona a importância da bioenergia para reduzir significativamente as emissões de gases de efeito estufa.

Leia Também Crescimento, emprego e custos de vida: o governo não entregou o que prometeu Derrota e ensinamentos na Série Prata Alimentos que tiram a fome despesas de capatazia não entram no cálculo de Imposto de Importação