Eu só penso naquilo!

Postado por: Cristian Queiroz

Compartilhe

Eu só penso naquilo, os meus amigos só pensam naquilo, os gremistas só pensam naquilo, boa parte dos colorados só pensam naquilo. Homens e mulheres só pensam naquilo. Eu não consigo parar de pensar naquilo. Eu tento, eu procuro me concentrar em outra coisa, mas quando me dou conta estou pensando naquilo mais uma vez.

Eu acordo com Libertadores na cabeça, venho até a rádio pensando no Lanús. No trabalho eu me pego pensando na próxima quarta-feira, no almoço eu estou imaginando o fim do planeta na madrugada do dia 30. Quando encontro algum amigo o assunto é sempre o mesmo, as noites do dia 22 e 30. Os dias se arrastam, as horas parecem não passar, a quarta-feira não chega e a ansiedade aumenta.

Acredito muito nesse grupo do Grêmio e mesmo antes da decisão entre Lanús x River eu dizia que preferia enfrentar os grenás na final. O River sempre será o River do Monumental de Nuñes, em uma final de Libertadores aquela camisa pesa muito a torcida enlouquece e as complicações são enormes. Já o Lanús, embora tenha muita qualidade, é menor que o Grêmio, não tem tradição na Copa e isso pode fazer diferença nesse momento. O Grêmio tem tradição, a Libertadores já vencemos duas vezes, como já garantimos vaga na próxima edição, na década foram sete participações. Junto com Palmeiras e São Paulo é o clube do país com mais participações.

O Grêmio conhece essa Copa. O Grêmio gosta da Libertadores, o torcedor sabe a importância, os jogadores assimilaram o espírito dessa competição e a beira do campo está nosso maior ídolo, aquele que nos deu o primeiro título e nós deu o mundo. Renato, o maior de todos. Renato, que já ganhou a Libertadores dentro de campo agora nos conduz para o título fora das quatro linhas.

Que venha o Lanús, que chegue logo essa quarta-feira para irmos para Arena, para reunirmos os amigos, para fazer um churrasco e ver o jogo, para colocar a cerveja gelar para a hora do jogo, para ver o Grêmio entrar em campo e o espetáculo da torcida!

Lanús, te esperamos! Tenho certeza que tu serás um honrado vice-campeão da América!

PASSO FUNDO FUTSAL

Mais uma vez o tribunal decidiu pela perda dos pontos e a consequente eliminação do Passo Fundo da série prata. Desta vez no Pleno do TJD a derrota foi por 7x0. O tribunal é frio, a justiça é cega e por ser cega não enxergou o que de fato aconteceu àquela noite no Capingui.

É triste, chateia, desestimula, revolta, desanima, cria muitos “porquês” e “ses”.

Fizeram-me a seguinte indagação: se fosse o Passo Fundo que tivesse sido agredido tu acharias justa a punição! Sinceramente não consigo nem pensar nessa possibilidade porque esse grupo do Passo Fundo não seria capaz de fazer o que o Parobé fez aqui. O Passo Fundo demonstrou ao longo de todo o campeonato que as coisas se resolvem na bola, dentro da quadra, que vence quem faz mais gols e não quem cria a maior confusão. Então eu nem consigo imaginar algo nesse sentido.

Infelizmente a justiça premiou aqueles que deram a causa aos fatos, saiu vencedor quem preferiu brigar a jogar bola. Sabe quem prefere brigar do que jogar? Quem sabe que não tem competência para vencer dentro das regras, daí busca outras formas de vencer. O Parobé já tinha perdido em casa, estava vencendo aqui, mas tomando sufoco. O gol de Passo Fundo era questão de tempo. O que Parobé fez? Criou confusão, agrediu jogadores do Passo Fundo, provocou a torcida, agrediu seguranças até que também foram agredidos e correram para o vestiário.

“- Nossa, Cristian, que teoria da conspiração essa sua”!

Você acha que um clube que leva um de seus atletas a registrar uma falsa comunicação de crime não é capaz de armar tudo o que aconteceu? Inocentes.

Eu tenho certeza que um dia, pode demorar, a verdadeira justiça será feita.

Eu sou o maior secador desse time de Parobé, torço para que percam até cara ou coroa, desejo a queda imediata para a prata e na sequência para a Bronze. O esporte é para quem quer disputar dentro de quadra. O esporte é para quem sabe ganhar, mas também sabe perder, o tempo de ganhar na marra já passou!

Parobé tu tens uma cidade inteira te secando! Parobé não te esqueça que na bola vocês não foram capazes de superar o Passo Fundo. Parobé, cada gol que você levar eu estarei aqui comemorando.

Boa segunda.

 

Leia Também A segurança pública começa com justiça social! O Fusca da Chevrolet Nomofobia (vício em celular) O retorno da alfaiataria no office look