CNH irá virar cartão com chip até 2019

Compartilhe

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) irá mudar novamente, abandonando o formato em papel para virar um cartão de plástico com microchip, que reunirá informações do motorista.

Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que será publicada ainda nesta semana, promete que a mudança será feita até 1º de janeiro de 2019 - prazo final de adaptação dos Detrans estaduais ao novo modelo.

Ainda não se há informações sobre as possíveis diferenças no valor para tirar ou renovar a carteira de motorista - cada Detran deve definir o valor no momento que aderir a tecnologia.

Quem tiver o documento válido em papel não será obrigado a fazer a troca, que ocorrerá na hora da renovação.

De acordo com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a nova CNH deve reduzir as fraudes e aumentar a durabilidade do documento, além de possibilitar integração com outros países.

O formato de cartão "inteligente" se assemelhará a um cartão de débito/crédito convencional, com chip e gravação a laser dos dados do motorista.

A novidade também abre as portas para que o documento se torne mais "universal", podendo (no futuro) servir para pagamento de pedágio ou transporte de ônibus e metrô, controle de acesso a prédios públicos e identificação biométrica (com cadastro das digitais no chip).


______________

Fonte: AutoEsporte/G1

Leia Também Nota da Fundação Cultural Planalto de Passo Fundo: Bruno Reinehr está em recuperação Confira os vencedores da 40ª Califórnia da Canção Nativa Polícia faz operação contra dirigentes de clubes e de torcidas no Rio Definidos finalistas da 20ª Seara da Canção de Carazinho