Estratégias do governo Temer

Postado por: Josué Longo

Compartilhe

Olá amigos! Como anunciei na coluna da semana passada, hoje vamos falar sobre outro tema que tem sido matéria nos jornais de circulação nacional: as estratégias do Presidente Temer para a aprovação da reforma da previdência e outros assuntos de seu interesse.

A articulação mais recente aconteceu ontem, dia 13 de dezembro, quando em evento no Palácio do Planalto, o Presidente anunciou a liberação de 2 bilhões ainda nesse mês aos municípios, pedindo aos prefeitos que pressionem seus parlamentares a votarem a favor da reforma. Para a aprovação são necessários 308 votos favoráveis.

Com as dificuldades financeiras que a maioria dos municípios brasileiros enfrentam, é fácil entender porque tal pedido soa “tentador”. Aqui no Rio Grande do Sul, segundo dados da Famurs – Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul, 54% dos municípios gaúchos terão dificuldade de fechar as contas no final do ano. Como se já não bastasse, o governo prometeu também a liberação de mais 3 bilhões em 2018, caso a reforma seja aprovada.

Há meses acompanhamos o governo Temer oferecer benesses aos deputados, como liberação de recursos de emendas parlamentares e cargos pela aprovação da reforma da previdência, reforma trabalhista e, também, para se livrar das denúncias da PGR – Procuradoria Geral da República, como por exemplo, pelos crimes de organização criminosa e obstrução da justiça. 

Somam-se ainda aumentos constantes do preço do combustível, do gás de cozinha, de impostos e então fica a pergunta: para onde está indo nosso dinheiro? Na saúde, temos quase um milhão de brasileiros esperando na fila para cirurgias eletivas. Na segurança, os índices de criminalidade só aumentam. Na educação, os cortes de recurso foram drásticos. Mas, para patrocinar as estratégias do atual governo, parece que tem bastante recurso.

É bom lembrar que no ano que vem há eleições. Existe esperança, mas para isso, cada um tem que fazer sua parte. Analisar os candidatos e propostas para que a gente possa mudar a realidade do nosso país.

 

Leia Também 11º Domingo do Tempo Comum. Programa Sustentabilidade Ambiental Empresarial será lançado pela ACISA Cuidado com o crime digital As pequenas ações