Alunos da Escola de Autistas realizam encenação de Natal

Compartilhe

O espírito natalino tomou conta da Escola Municipal de Autistas Professora Olga Caetano Dias com a realização do Natal: som, luz e amor. A cerimônia de encerramento das atividades do ano, além da comemoração tradicional, teve encenação do presépio, que foi todo representado pelos alunos da escola. A apresentação emocionou pais e convidados, muitos dos quais ainda não tinham visto qualquer atuação teatral dos alunos.

A ideia da encenação veio da direção da escola, encabeçada pelo diretor, o professor Paulo Cezar Mello. De acordo com ele, nos anos de 2008 e 2009 já havia sido feito algo semelhante, quando a escola atendia apenas cerca de 20 alunos, mas muitos dos alunos hoje frequentadores da escola ainda não faziam parte do corpo discente da escola, já que atualmente são mais de 60 alunos atendidos. Por isso, veio a ideia de retomar a iniciativa.

Além da cerimônia natalina, os alunos, familiares e convidados também tiveram a oportunidade de conhecer um pouco do trabalho desenvolvido ao longo do ano, através de fotos que foram mostradas em um telão. Depois, tiveram um coquetel e a presença do Papai Noel, que distribuiu presentes para os alunos e demais crianças que participavam da festividade.

A cerimônia foi acompanhada pelo secretário de Educação, Edemilson Brandão, pelo coordenador regional de Educação, Elton De Marchi, por coordenadores da Secretaria de Educação, representantes da Câmara de Vereadores, pela presidente da Associação dos Amigos da Criança Autista, Salua Younes e pelo presidente do Conselho Escolar, Emerson Debres.

A Associação
Fundada em março de 2001, a Associação dos Amigos das Crianças Autistas (AUMA) conta atualmente com 60 alunos em atendimento. Todos eles frequentadores da Escola Municipal de Autistas Professora Olga Caetano Dias. Diferentes projetos são desenvolvidos na escola, que é municipal e conta com auxílios através de convênios com o governo do estado. Entre eles, estão o projeto de equoterapia, desenvolvido em parceria com a Brigada Militar, Universidade de Passo Fundo (UPF) e Grupo Cultural e Tradicionalista Cavaleiros do Planalto Médio; o Projeto Aquático também é realizado a partir de uma parceria com a UPF; o Almoçando na Escola e projetos de música e artes.

(Foto: Divulgação)

Leia Também Bairro a Bairro deste sábado será no Zachia Empresa de Erechim é habilitada para realizar obras no Aeroporto Lauro Kortz Prefeitura abre processo seletivo para a contratação de médicos Cesta básica de Passo Fundo registra alta de 0,19% em setembro