Alimentação para problemas de vesícula

Postado por: Jureci Machado

Compartilhe

A alimentação é um componente no tratamento para evitar uma crise de vesícula, mas não deve substituir o tratamento clínico prescrito pelo médico, que pode incluir o uso de medicamentos ou até mesmo cirurgia.

Deve-se e comer alimentos ricos em água e com pouca ou nenhuma gordura, tais como:

·                     Frutas, exceto coco, abacate e açaí;

·                     Legumes em geral, especialmente os cozidos, pois facilitam a digestão;

·                     Grãos integrais, como arroz, macarrão e pão integral;

·                     Leite e derivados desnatados;

·                     Carnes magras e cozidas ou grelhadas, como frango sem pele, peixes e peru;

·                     Água e sucos de fruta.

Em casos de crise aguda de vesícula, evite ao máximo:

·                     Leite integral, requeijão e iogurte integral,

·                     Queijos amarelos como parmesão e minas padrão;

·                     Manteiga e qualquer outra gordura animal;

·                     Carnes gordas como costeletas, linguiça, mocotó carne de pato ou ganso;

·                     Miúdos como fígado, coração, rim ou moela;

·                     Oleaginosas, como nozes, castanhas, amêndoas, amendoim;

·                     Peixes gordos, como atum, salmão e sardinha;

·                     Outros: Chocolate, biscoitos, massa folhada, caldo de carne, molhos prontos, maionese;

·                     Bebidas alcoólicas.

Muitas vezes é necessário reduzir o peso para diminuir a compressão no abdômen.

Essas são orientações gerais, sendo que o mais importante é sempre seguir uma dieta individualizada para otimizar seus resultados.

 ** A Fundação Cultural Planalto de Passo Fundo não se responsabiliza pelo conteúdo dos seus colunistas. A responsabilidade é exclusiva de cada autor. 

Leia Também Semana Nacional do Trânsito e a importância de ações voltadas à mobilidade urbana Alienação política e econômica Golpe Jurídico sendo colocado em prática 25º Domingo do Tempo Comum.