Casal é preso em Água Santa por abusar da própria filha

Compartilhe

A polícia civil de Tapejara prendeu na última sexta-feira à tarde, um casal, ela de 39 anos e ele de 41 anos, acusados de abusarem sexualmente da própria filha de quatro anos. O fato aconteceu no interior de Água Santa. O casal já havia perdido a guarda da criança há cerca de 20 dias. A menina foi deixada na casa de um familiar porque o casal foi à uma consulta médica em Tapejara uma vez que o homem não estava se sentindo bem.  Quando a madrinha foi dar banho na criança percebeu que ela estava machucada. Foi aí que a criança fez o relato do abuso do pai que teria o consentimento  da  mãe.  Foi acionado o Conselho Tutelar de Água Santa e depois a polícia. A criança foi levada a um hospital de Tapejara e depois trazida ao São Vicente em Passo Fundo para exames.   A polícia fez a investigação e na sexta-feira obteve autorização judicial e prendeu o casal que está recolhido no presídio de Getúlio Vargas. 

Ela foi presa em casa e o homem,  momentos depois quando descia de um ônibus de trabalhadores na BR-285. Natural do Maranhão, ele  já está há mais de 15 anos residindo na região e trabalhava numa empresa de Passo Fundo.

Leia Também Passo Fundo contará com Centro de Conciliação da Justiça do Trabalho Câmara aprova intervenção federal na segurança pública do RJ Adolescente morre após levar choque de celular ligado na tomada Passo Fundo receberá Centro de Conciliação da Justiça do Trabalho