No Fórum Soja Brasil, custo de produção e renda desafiam produtores

Compartilhe

 “Está na hora de olhar o sistema como um todo, sem pensar apenas na próxima safra”. Este foi o principal recado do pesquisador do Cepea/Esalq, Mauro Osaki, que junto com os demais participantes do Fórum Soja Brasil debateram o “Custo de Produção x Renda”. Em sua 6ª edição, o evento também contou com a participação da doutora em Ciências Biológicas, Adriana Brondani, do Conselho de Informações de Biotecnologia; e do pesquisador da Embrapa Soja, Henrique Debiase.

Através de dados e informações das últimas safras de soja do Brasil, Osaki mostrou que a cada safra o produtor desembolsa mais para fazer um bom cultivo de soja. “Os manejos de pragas e doenças estão fazendo com que o produtor entre mais vezes em sua lavoura, gerando um custo maior. Em 2007, o custo com inseticida ficava em torno de 1,5 saca de soja/hectare. Hoje a conta é de 3 sacas”, comentou o pesquisador, que informou que hoje no Brasil a custo total gira em torno de 46 sacas de soja/hectare. “Se tivermos uma quebra, o produtor não tem como pagar suas contas”, destacou.

Leia Também Embrapa realizou Dia de Campo UPF inaugura Laboratório de Diagnóstico do Mormo Derrubada liminar que suspendia uso de glifosato Morre pesquisador Dirceu Gassen