Paixão do Senhor.

Postado por: Maria Vani Gehlen Ramos

Compartilhe
"Ó Pai, em tuas mãos eu entrego o meu espírito".
Nesta celebração da sexta feira santa, partilhamos e fazemos memória da Paixão e Morte de Jesus. Sempre que nos deparamos com a narrativa da paixão e morte de Jesus somos acometidos de uma grande emoção e sentimos apavorados a que ponto pode chegar a maldade humana. É inconcebível tanto sofrimento. Entretanto, percebemos com pesar que, ainda hoje essas cenas continuam em nossa sociedade. São os crucificados pelas injustiças, pela desonestidade, pela corrupção, pela violência, pela fome, pela falta de saúde e segurança em geral. Quantas cruzes são levadas, diariamente, por pessoas desesperadas procurando ajuda para seus males. Quantas crianças são violentadas e sacrificadas e desaparecem misteriosamente. Quantas pessoas disseminadas pelo ódio, pela ganância e pela disputa de poder. Jesus continua sendo julgado, flagelado, coroado de espinhos e pregado na cruz na vida de tantas pessoas que não tem para onde ir e onde ficar, passando fome e sendo explorados pelos mais poderosos. 
Continua acontecendo a Paixão e Morte de Jesus Cristo nos dias de hoje. 
Pai, em tuas mãos entregamos o povo brasileiro cansado  de ver tanta desonestidade, falta de ética, falta de vergonha e de ver triunfar as injustiças nas classes governamentais e políticas. Proteja nosso povo brasileiro Pai, contra o desemprego, contra a falta de saúde, contra a falta de educação e contra a falta de segurança. Amém.

Leia Também Alimentação durante o tratamento da infecção urinária Estado falha e municípios pagam a conta da saúde O cão, o trigo e o Fusca Não incide IOF sobre fluxo financeiro em participação em sociedade