2º Domingo da Páscoa.

Postado por: Maria Vani Gehlen Ramos

Compartilhe
Louvai ao Senhor, porque ele é bom; porque eterna é a sua misericórdia. - salmo 117(118), 1
A primeira leitura deste tempo litúrgico vai nos trazer reflexões sobre o livro dos Atos dos Apóstolos, para podermos entender como viviam as primeiras comunidades e o trabalho dos apóstolos após a ressurreição de Jesus. Nos mostram o "ideal" para a vivência cristã e fraterna. É um verdadeiro código de vida. Colocavam tudo em comum e socorriam os mais necessitados. Os que tinham a mais, ou de sobra, repartiam com os que possuíam menos. 
Como é o mundo de hoje?
O Evangelho, segundo evangelista João 20, 19-31 narra, com muito carinho, a aparição de Jesus no meio dos discípulos e os saúda: 
" A PAZ ESTEJA CONVOSCO".  Como Tomé nós também somos assaltados, muitas vezes, com dúvidas.  Penso que é salutar porque abre caminho para buscar a Verdade e o Caminho que pode nos levar à Jesus. Digamos como Tomé: " Meu Senhor e meu Deus";
Precisamos crer, crer verdadeiramente Naquele que sacrificou sua vida em favor da humanidade. Que nos deu provas suficientes e seguras da existência de Deus e da passagem desta vida para a eternidade. Precisamos crer também nas primeiras comunidades que nos deram o exemplo e o direcionamento para uma existência cristã e fraterna, Mostraram ainda como devemos viver em comunidade e amando nossos irmãos, principalmente os mais humildes e necessitados. 
Que o Senhor Jesus nos ajude a termos uma fé firme e madura  mediante o testemunho de vida e levar Jesus as pessoas que ainda não O conhecem, que ainda não O amam.
Bom domingo na paz do Senhor Jesus.

Leia Também 560 mil quilômetros de histórias e contando Negócios da área da saúde e a preocupação ambiental Declaração Universal dos Direitos Humanos As saídas temporárias dos presos