Colelitíase – O que é e principais causas

Compartilhe

Colelitíase é o termo médico que significa a presença de cálculos na vesícula biliar ("pedras na vesícula"). Os cálculos biliares se formam quando o líquido armazenado na vesícula biliar se cristaliza em um material semelhante a uma pequena pedra.

A bile contém água, colesterol, gordura, sais biliares, proteínas e bilirrubina. Os sais biliares desmancham as gorduras e a bilirrubina confere às fezes sua coloração característica. Se o líquido biliar contiver muito colesterol ou bilirrubina, sob algumas condições, ele pode solidificar-se formando os cálculos.

Os dois tipos de cálculos biliares são os cálculos de colesterol e os pigmentares. Os de colesterol são geralmente amarelo-esverdeados e são formados basicamente de colesterol cristalizado. Compreendem cerca de 80% dos cálculos. Os cálculos pigmentares são pequenos e escurecidos, compostos por bilirrubina.

Os cálculos podem ser pequenos como um grão de areia e até grandes como uma bola de tênis. Na vesícula, podem desenvolver-se apenas um grande cálculo, centenas de cálculos pequenos ou qualquer combinação destes.

As principais causas são:

- Sexo feminino

- Idade acima de 60 anos

- Obesidade

- Gestações

- Dieta rica em gorduras / colesterol e pobre em fibras

- Pessoas com histórico familiar de pedras na vesícula

- Diabetes

- Perda rápida de peso

- Doença hemolítica

Na próxima semana, conversaremos mais sobre colelitíase. Até logo!

Leia Também Solução para o atraso Eleição Presidencial: A ecologia não é questão secundária! Pobreza de propostas em campanhas eleitorais Alimentos aquecidos a altas temperaturas e risco de câncer