Justiça revoga prisão preventiva de envolvido no atropelamento de ciclista

Compartilhe
Em decisão de primeira instância na Justiça de Passo Fundo, foi decretada a revogação da prisão preventiva do homem envolvido no atropelamento com morte do ciclista ocorrido às margens da ERS 153, próximo ao Santuário Nossa Senhora Aparecida, em Passo Fundo. O fato aconteceu na manhã de 13 de fevereiro. Assim, ele poderá responder em liberdade pelo crime.
Na oportunidade perdeu a vida o oncologista Jonatas Conterno, de 30 anos de idade.
Além da prisão ocorrida, foi determinado o cumprimento de medidas cautelares. Entre as considerações apontadas pela defesa e acolhidas pela Justiça para ser colocado o indivíduo em liberdade estão o fato de ele ter endereço certo e emprego fixo em Passo Fundo. 
Nos próximos dias serão agendadas as datas de audiências de instrução criminal.  Com isso, ainda não é possível se precisar o período de realização do julgamento do caso.
Foto: Arquivo Planalto

Leia Também Tio Hugo: Operação Muita Droga resulta em três prisões e apreensão de 200 kg de droga Homem morre após ser atacado por cachorros no bairro Nenê Graeff Assaltante que roubou veículo é preso pela DEFREC Foragido da Justiça é capturado pelo 2º Esquadrão na Donária