Sindicontábil se manifesta sobre fato envolvendo profissional da área

Compartilhe

O Sindicontábil de Passo Fundo emitiu nesta semana, uma nota de repúdio referente a uma notícia veiculada sobre a prática delitiva de um profissional da classe.

Segundo informações, o contador teria se apropriado do dinheiro de um empresário que era seu cliente, ao recolher impostos e ter ficado com o valor.

Durante o programa Na Ordem do Dia desta sexta-feira (13), João Altair convesou com o presidente do Sindicado dos Contabilistas de Passo Fundo, Gustavo Ferres da Silveira,  sobre o ocorrido: (Entrevista completa disponível em nosso portal rdplanalto.com)

“Essa noticia, ela entristece toda a nossa categoria. Somos compostos por profissionais altamente qualificados e uma noticia dessa mancha certamente, toda uma reputação que se criou e que se trabalha para mostrar a seriedade do profissional de Passo Fundo.” lamentou Gustavo, informando que Passo Fundo conta com cerca de 800 contadores. Pela região, são mais de dois mil profissionais.

Leonardo Ferrão Brasil, fiscal do Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul (CRC-RS) também se manifestou:

“Recomendamos que não se entregue dinheiro, entregue numerário para o pessoal da área contábil, e que o próprio cliente faça o pagamento dos seus impostos, como se verifique se há certidão negativa, se está tudo recolhido. A grande importância é de ter um contrato de prestação de serviço firmado.” aconselha o fiscal.

O CRC-RS disponibiliza um número de telefone para que denúncias de casos semelhantes sejam feitas: (51) 99172 - 3348

Ouça o áudio abaixo:

  • Sindicontábil - Entrevista

Leia Também Feira Ecológica de Passo Fundo comemora seus 21 anos Planalto nos Bairros é apresentado na Paróquia São Cristóvão Bairro Jaboticabal ganhará nova Unidade Básica de Saúde Eduardo Leite fala sobre as perspectivas para o RS em reunião-almoço