Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos

Postado por: Manoela Cielo

Compartilhe

O Plano de gerenciamento de Resíduos Sólidos exerce um conjunto de ações onde determinados empreendimentos, planejam de forma organizada as etapas de coleta, transporte, transbordo, tratamento e destinação final ambientalmente adequada dos resíduos sólidos e disposição final ambientalmente adequada dos rejeitos, sendo o documento, parte integrante do processo de licenciamento ambiental da atividade.

Conforme a Lei Federal nº 12.305/2010, estão sujeitos à elaboração do plano, diversas atividades do setor industrial, serviços de saúde, construção civil, atividades agrossilvopastoris, serviços públicos de saneamento básico, mineração, serviços de transportes, estabelecimentos comercias e de prestação de serviço que gerem resíduos perigosos.

O plano de gerenciamento de resíduos é um documento com valor jurídico o qual engloba ações e recomendações que visem o controle de todas as etapas presentes com as instruções necessárias a sua real aplicabilidade.  Todas essas instruções não só beneficiam a empresa pelo cuidado com o meio ambiente, mas também de forma econômica e social, uma vez que é minimizados desperdícios e reaproveitados materiais por cooperativas e empresas recicladoras, contribuindo para o tripé da sustentabilidade.

*A Fundação Cultural Planalto de Passo Fundo salienta que o texto reflete a opinião de seu autor.

                                                                                           

Leia Também Ministério da Saúde libera recursos para o Qualifar-SUS Alimentos ricos em Potássio Nossa Senhora da Conceição Advento: Esperar com esperança