Prefeitura vai cobrar na Justiça estragos no Banhado da Vergueiro

Compartilhe
A Prefeitura de Passo Fundo já identificou os condutores de caminhão que danificaram os pórticos do Parque Ambiental Banhado da Vergueiro. Com a identificação, que se deu através de imagens de câmeras da vizinhança, será possível cobrar judicialmente que os danos sejam pagos pelos motoristas.

Em virtude do parque ser pensado de forma a preservar o meio ambiente, a rua onde se encontram os pórticos é feita de piso de bloco, justamente para restringir a passagem de veículos de grande porte como caminhões. “Por ser uma rua mais interna colocamos os pórticos e uma sinalização que alerta sobre o local não permitir trânsito de caminhões. Com a passagem desses veículos o pórtico foi danificado, destruindo o patrimônio público. Esperamos que esses condutores se apresentem ao município para arcar com os custos de recuperação”, destacou a secretária de Planejamento, Ana Paula Wickert.

A Secretaria de Planejamento realizará o levantamento dos danos e valores, que serão apresentados ao condutor infrator para o devido ressarcimento financeiro e conserto dos pórticos.

O Parque Ambiental Banhado da Vergueiro é uma área de preservação ambiental, por isso, há espaços indicando baixa velocidade e restrição de passagem para veículos de grande porte, como caminhões. A medida é necessária pela circulação de animais típicos do local, como preás e saracuras. 

(Fotos: João Henrique Pazuch)

Leia Também Prefeito anuncia obras no Cras e na escola do bairro São Luiz Gonzaga Passo Fundo terá evento do Dia Mundial em Memória das Vítimas do Trânsito Encerramento do Movimento pela Paz Sepé Tiaraju acontece no Parque do Gare Bairro a Bairro no São Luiz Gonzaga acontece neste sábado