Prefeitura vai cobrar na Justiça estragos no Banhado da Vergueiro

Compartilhe
A Prefeitura de Passo Fundo já identificou os condutores de caminhão que danificaram os pórticos do Parque Ambiental Banhado da Vergueiro. Com a identificação, que se deu através de imagens de câmeras da vizinhança, será possível cobrar judicialmente que os danos sejam pagos pelos motoristas.

Em virtude do parque ser pensado de forma a preservar o meio ambiente, a rua onde se encontram os pórticos é feita de piso de bloco, justamente para restringir a passagem de veículos de grande porte como caminhões. “Por ser uma rua mais interna colocamos os pórticos e uma sinalização que alerta sobre o local não permitir trânsito de caminhões. Com a passagem desses veículos o pórtico foi danificado, destruindo o patrimônio público. Esperamos que esses condutores se apresentem ao município para arcar com os custos de recuperação”, destacou a secretária de Planejamento, Ana Paula Wickert.

A Secretaria de Planejamento realizará o levantamento dos danos e valores, que serão apresentados ao condutor infrator para o devido ressarcimento financeiro e conserto dos pórticos.

O Parque Ambiental Banhado da Vergueiro é uma área de preservação ambiental, por isso, há espaços indicando baixa velocidade e restrição de passagem para veículos de grande porte, como caminhões. A medida é necessária pela circulação de animais típicos do local, como preás e saracuras. 

(Fotos: João Henrique Pazuch)

Leia Também ANTI-FAKE: Havan não trocou Passo Fundo por Erechim Diretoria da Leão XIII fala sobre os compromissos da nova gestão Assembleia do Corede Produção define projetos da Consulta Popular 2018/2019 Inscrições para Passe Livre Estudantil vão até 25 de maio