Hérnia inguinal – Causas e fatores de risco

Postado por: Jorge Carlotto

Compartilhe

Em algumas pessoas, principalmente no sexo masculino, o canal inguinal não se fecha adequadamente, deixando uma área vulnerável ao redor do anel, por onde parte do intestino pode herniar. Esse tipo de hérnia inguinal provocada por um defeito no canal inguinal é chamada de hérnia indireta. O lado direito é o mais acometido, possivelmente porque o testículo direito costuma ser o que desce mais tardiamente. Já a chamada hérnia direta é aquela que se desenvolve ao longo da vida, devido ao surgimento de uma fraqueza na musculatura da parede abdominal.

O defeito no canal inguinal é o principal fator de risco, mas não é o único. Situações que levam ao enfraquecimento da musculatura da parede abdominal e a um aumento de pressão dentro do abdome também aumentam o risco do desenvolvimento da hérnia inguinal, seja ela direta ou indireta. Os mais comuns são:

- Idade acima de 50 anos.

- Ser do sexo masculino.

- Ser de raça branca.

- História familiar de hérnia inguinal.

- Parto prematuro ou baixo peso ao nascimento.

- Tosse crônica.

- Constipação intestinal.

- Histórico de cirurgia na parede abdominal.

- Histórico de trauma abdominal.

- Esforço físico com excesso de pressão intra-abdominal.

- Obesidade.

- Tabagismo.

- Gravidez.

Na próxima semana, conversaremos mais sobre a hérnia inguinal. Até logo!

*A Fundação Cultural Planalto de Passo Fundo salienta que o texto reflete a opinião de seu autor.

Leia Também Beto Campos, um profissional vencedor! Como reduzir aquela barriguinha indesejada? Vou operar! O que fazer? Decreto permite a readequação do uso de obras federais