Conheça alguns alimentos mais contaminados por agrotóxicos

Postado por: Jureci Machado

Compartilhe

Não é de hoje que os agricultores recebem uma ajudinha da indústria química para melhorar a colheita e garantir uma boa safra. Para isso, utilizam os agrotóxicos estão aí, para combater as pragas que atacam a colheita. Por outro lado, podem oferecer fatores de risco como: problemas circulatórios, câncer, má formação fetal, entre outros.

Os agrotóxicos são substâncias tóxicas que combatem as pragas que podem afetar as plantações, mas seu uso pode causar:

Intoxicação aguda quando há uma exposição excessiva: pode acontecer, por exemplo, nos agricultores que não se protegem o suficiente na hora de sua aplicação, ou;

Intoxicação tardia devido ao seu consumo regular ao longo dos anos: podem acontecer ao ingerir alimentos cheios de agrotóxicos como aqueles que encontramos nos supermercados.

Quanto mais água e menos fibras o alimento tiver, maior será sua concentração de agrotóxicos e de outras substâncias que também penetram não somente na casca mas em todo alimento. Mesmo que a casca do alimento seja retirada, os químicos que penetraram no alimento não podem ser removidos e acabam se acumulando no corpo humano ao longo dos anos causando danos à saúde.

 Os alimentos que superam o ranking são: morango, pimentão, pepino, tomate, alface, cenoura, abacaxi, beterraba e mamão.

Opte pelos produtos orgânicos, quando não for possível utilize uma imersão de água com bicarbonato para retirar o excesso e agrotóxicos com isso o torna menos prejudicial.

*A Fundação Cultural Planalto de Passo Fundo salienta que o texto reflete a opinião de seu autor.

Leia Também Chegou o inverno: mantenhamos o coração aquecido Venda de bebida representa sobrevida aos clubes do interior Agenda 2020 – desafios do Rio Grande do Sul Operação Prato Feito: pesquisa aponta o custo da corrupção na alfabetização