Um momento de crise

Postado por: Gilnei Fogliarini da Costa

Compartilhe

Mais uma vez passamos por momentos de crise, momento tumultuado que balançou o cotidiano do povo. A reivindicação, justa e pacífica, coordenada por caminhoneiros descontentes com a política de preços dos combustíveis, paralisou centenas de rodovias pelo país, provocado a falta de combustíveis, causando transtornos na circulação de ônibus do transporte público em diversas cidades e a falta de suprimentos em supermercados, hospitais e na indústria.

É impressionante como este momento acaba por aflorar a maldade do ser humano, pois neste momento podemos observar pessoas, que tanto falam da corrupção mas são tão corruptos quanto, pois aproveitadores se aproveitaram do momento para cobrar preços abusivos por alimentos e combustível, isso é repugnante, pensam só no próprio umbigo, esquecem do coletivo. Tem também aquele que vai ao posto neste momento de crise e não olha para o que tá acontecendo, quer é pegar para si o que der, não importa quanto pagam ou se alguém vai ficar sem. Ainda tem aquele que fura a fila para abastecer na frente e não pensa no outro que está a horas aguardando sua vez. Outros enchem o tanque do carro e mais três galões para armazenar em casa e deixa o irmão que ficou oito horas na fila sem o combustível. Como diria Thomas Hobbes (filósofo inglês), na obra Leviatã, o homem é mau por natureza, ele não sabe viver em sociedade, ele precisa de um Estado para controlá-lo.

Neste viés, com a dificuldade da ocasião, o Estado cria seu Gabinete de Crise para auxiliar que a sociedade receba as condições mínimas para a continuidade de sua rotina. Nesta seara se fez necessária mais uma vez a intervenção das forças de segurança pública, que de forma profissional, pacífica e ordenada, cumpriu com seu papel ao controlar a circulação de veículo, a ordem nas manifestações e a escolta de veículos que transportavam cargas essenciais para a população. Resta parabenizar e resaltar tal serviço prestado por tais instituições que não medem esforços para manter a ordem social.

 

Leia Também Por que usar Emojis nas Redes Sociais? Sistema de Gestão Ambiental nas empresas Combate ao Golpe do Bilhete Premiado “João é seu nome”