Polícia desvenda fraude de visto norte-americano no estado

Compartilhe

A Polícia Civil gaúcha revelou na manhã desta terça-feira um golpe envolvendo agendamento de vistos norte-americanos. O homem responsável pelo estelionato tem 55 anos e está foragido. Já foi expedido um mandado de prisão preventiva contra ele. Estima-se que o prejuízo tenha sido de mais R$ 20 mil e 19 pessoas, residentes no Rio Grande do Sul, tenham sido lesadas.

De acordo com as investigações, que começaram há cerca de seis meses, o golpista é dono de uma agência de turismo e cobrava um valor para agendar o serviço de visto. Quando a vítima comparecia ao consulado, na data agendada, verificava que o serviço não estava marcado.

Conforme o delegado Marco Antônio de Souza, da Divisão Judiciária e de Operações, o Consulado Americano constatou que diversas pessoas estavam apresentando esse documento, no qual constava uma data agendada, e procurou a polícia civil. A partir deste momento, a instituição descobriu irregularidades na documentação e começou a investigar a empresa de turismo, descobrindo o nome do golpista. A agência de turismo, localizada no Centro de Porto Alegre, é uma filial. No momento, o local está fechado.

O maior valor arrecadado pelo golpista era pelo pagamento do visto, que não foi encaminhado aos órgãos americanos. Segundo a polícia, uma das pessoas foi lesada em R$ 4 mil.



Fonte: Rádio Guaíba / Foto: Polícia Civil/RS

Leia Também Lei Seca completa dez anos nesta terça-feira A Força da Comunidade: Polícia 24 horas Cadáver é localizado na Vila Jardim Mulher é sequestrada no bairro Bom Jesus