Vereador Dalla Lana comenta sobre obras no município

Compartilhe

O espaço do Grande Expediente dessa quarta-feira (20) foi utilizado pelo vereador Aristeu Dalla Lana (PTB), que aproveitou a ocasião para relatar sobre algumas obras que estão em andamento e outras já concluídas. O parlamentar também fez uso da ocasião para tecer fortes críticas ao sistema educacional e a corrupção do Brasil.

No primeiro momento, Dalla Lana mencionou as obras de revitalização do estádio Delmar Sittoni, no bairro Nonoai. Ele ressaltou que o local servirá “como um grande ganho para o esporte do município” e também “um novo local de prática de esporte e lazer da comunidade”. O reformado estádio deve ter pista atlética, além de grande reformulação nos vestiários e arquibancadas novas com capacidade de até cinco mil pessoas. Outra obra comentada foi a conclusão da Unidade Básica de Saúde Nonoai, na Vila Operária que auxiliará no atendimento à população da região. “É uma grande realização da comunidade do Boqueirão pois ela ganha mais uma unidade de saúde para ser melhor atendida”, comentou.

O parlamentar também abordou a necessidade de canalização em um córrego que passa na rua Albertina Rosado, no bairro Vera Cruz. Ele ressaltou que já foram feitas tratativas para o início das obras, além de as partes estarem cientes das demandas e dificuldades que tornam o serviço imprescindível para os moradores do local.

No momento seguinte, Dalla Lana comentou sobre um Projeto de Lei que ele protocolará na Casa que trata de coibir a corrupção por parte de empresas contra a administração pública. Ele tem como base a Lei nacional nº 12.846/2013 e segundo o vereador, “já se encontra em vigor em 22 municípios do Estado”. Ele solicitou apoio dos demais vereadores na aprovação deste projeto, além de se posicionar a respeito do tema. “Dinheiro público é para se gastar com saúde, educação, segurança e não com bem-estar pessoal”, afirma.

Em razão disto, o parlamentar aproveitou a ocasião para tecer fortes críticas a atos de improbidade e a atual legislação. Segundo Dalla Lana “é necessário fazer uma mudança radical no ramo tributário”. Outro ponto criticado por ele foi a educação. O vereador afirma que nos últimos tempos se prestou um desserviço ao setor com a retirada de matérias da grade curricular como Organização Social e Política Brasileira (OSPB) e Educação Moral e Cívica. Para ele, uma educação melhor passa pela conscientização cívica das novas gerações. “Quando se perde o respeito à bandeira, ao teu país, a sua terra, você perde todo o valor”, resume.

 

Foto: Comunicação/Câmara de vereadores

Leia Também Mudança em lei vai permitir regularização de terrenos Eduardo Leite convida partido de Sartori para compor sua gestão Futuro secretário da Fazenda já está definido e é de fora do RS Indígena é baleado em frente a sede da Funai em Passo Fundo