Inscrições para mais de 174 mil bolsas do ProUni começam nesta terça

Compartilhe

Os estudantes que quiserem concorrer a uma bolsa do Programa Universidade para Todos, o ProUni, podem fazer as inscrições a partir desta terça-feira (26). Ao todo, vão ser ofertadas mais de 174 mil vagas em 1.460 instituições.

Para se candidatar, é preciso ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem de 2017, e ter tirado um mínimo de 450 pontos e nota superior a zero na redação. Além disso, só podem participar alunos brasileiros que não possuem curso superior e que tenham cursado o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada.

O diretor de Políticas e Programas de Educação Superior do MEC, Vicente Almeida Júnior, explica quem pode se candidatar para conseguir uma bolsa integral e quem pode concorrer a uma bolsa parcial de 50%.

“As bolsas integrais são destinadas aos estudantes que comprovam renda de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais são destinadas aos jovens que comprovem renda de até três salários mínimos. O programa é um instrumento de acesso ao ensino superior, especialmente para os estudantes que frequentam a escola pública ou aqueles que frequentavam o ensino privado na condição de bolsista. Então é um programa que procura conciliar mérito com necessidade social.”

Agora, se o candidato conseguir uma bolsa parcial de 50%, e não der conta de pagar a outra metade do valor da mensalidade, ele pode utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil, o Fies.

Os resultados com a lista dos candidatos pré-selecionados vão estar disponíveis no siteprouni.mec.gov.br, a partir do dia 2 de julho, para a primeira chamada, e de 16 de julho, para a segunda. Quem não for selecionado, pode participar da lista de espera nos dias 30 e 31 de julho.

Lembrando que para efetuar a inscrição no Prouni do segundo semestre de 2018, o candidato deve informar o número de inscrição no Enem 2017 e a senha mais atual cadastrada no Enem.

*Agência do Rádio

Leia Também Posse da nova reitoria da UPF acontece hoje Professor José Carlos Carles de Souza avalia seu trabalho como reitor da UPF Posse da nova Reitoria da UPF será no dia 20 de julho Inscrições para a MIC são prorrogadas