Mais uma repórter brasileira sofre assédio na Copa

Compartilhe

A repórter Laura Zago, da CBF TV, foi mais uma vítima de assédio durante a Copa do Mundo na Rússia. Um torcedor sérvio tentou beijá-la à força enquanto gravava em Moscou.
- "Eu não fui a primeira e, infelizmente, não serei a última a passar por esse tipo de constrangimento. Não é que aqui na Copa do Mundo isso esteja acontecendo, acontece sempre. Aconteceu comigo três vezes nesta Copa, mas já aconteceu com colegas de profissão no Brasil. Um foi brasileiro, esse do vídeo sérvio e o outro russo", desabafou Laura nas redes sociais.


---
Fonte: Lance

Leia Também Bazar da APAE acontece nesta terça-feira Passo Fundo Solidária: ganhador do leilão, Kaizer Viebrantz, recebe faca personalizada das Rádios Planalto Motoristas profissionais com toxicológico realizado há mais de dois anos e meio devem renovar o exame Avião tem pane seca ao sair de aeroporto e vigilante confessa furto de combustível